Lutas

UFC anuncia demissão de lutador após caso de violência doméstica

Reprodução/Twitter Luis Peña

O fim da passagem de Luis Peña pelo UFC se deu nesta terça-feira (12). O lutador teve sua demissão anunciada pelo chefão Dana White após a realização do episódio desta semana da Contender Series, na repercussão do caso em que é acusado de cometer violência doméstica contra duas mulheres.

Segundo White, o Ultimate já tinha ciência de que o lutador tinha ‘problemas’ e que sua demissão fora baseada nos detalhes emitidos no boletim de ocorrência do caso, acontecido no último final de semana na Flórida (EUA).

– Este era um caso ruim e sabíamos que ele tinha problemas antes, e estávamos tentando ajudar o Luis. Sim, foi algo bem desagradável, não sei se vocês leram o relatório do caso, mas isso tinha que acontecer – declarou o chefão do UFC.

LEIA TAMBÉM

+ Em nota, Chuck Liddell dá sua versão sobre prisão por violência doméstica

Segundo um comunicado da organização publicado pelo site TMZ, o Ultimate cita ‘abuso de substâncias e problemas de saúde mental’ de Peña que já eram conhecidos da entidade e que ajuda foi buscada para este. No entanto, o recente caso de agressão do lutador forçou a decisão por encerrar o contrato.

– O UFC está ciente das alegações perturbadoras sobre a recente prisão de Luis Peña. O Sr. Peña tem sido aberto quanto a seus problemas de saúde mental e abuso de substâncias e a organização, em várias ocasiões, tentou ajudá-lo a obter tratamento profissional. Neste momento, o UFC acha que o lutador precisa lidar com suas questões judiciais e de saúde que tem pela frente e comunicou aos agentes do Sr. Peña que seu contrato foi rescindido.

No último final de semana, Luis Peña foi detido acusado de agredir a namorada durante uma discussão e uma outra mulher, que testemunhou o caso e acabou levando um soco do lutador. Este já foi solto mediante pagamento de fiança de US$ 6 mil. Ele já havia sido detido em junho por um cao semelhante de agressão.

O lutador deixa o Ultimate com um cartel de cinco vitórias e três derrotas, com sua última luta pela organização uma vitória sobre Alex Muñoz em abril.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top