Ponte Preta

Última opção de João Brigatti, Cléber Reis vive ostracismo na Ponte Preta

Cléber Reis é a última opção da defesa da Ponte Preta | Crédito: Luiz Guilherme Martins / AA Ponte Preta

Cléber Reis vive período de ostracismo na Ponte Preta e amarga status de última opção para o técnico João Brigatti na sequência da temporada.

Emprestado pelo Santos até 10 de dezembro de 2020, zagueiro, recuperado de lesão muscular, ainda não foi relacionado uma vez sequer desde a paralisação do calendário.

LEIA MAIS: Trio participa de aquecimento, mas segue como dúvida na Ponte Preta

Durante a inter-temporada no mês de julho, defensor ficou entregue ao Departamento Médico, mas já reúne condições físicas de entrar em campo desde o início da Série B do Campeonato Brasileiro, cujo início foi no segundo final de semana de agosto.

Sem prestígio, Cléber foi preterido por Léo, cria das categorias de base e convocado às pressas para compor o banco de reservas no duelo diante d Paraná, haja vista suspensão de Wellington Carvalho.

GANHA BEM

Aos 29 anos, atleta é dono de um dos principais salários do elenco, embora o Peixe, dono dos direitos econômicos, também arque com cerca de 50%.

Em 2020, zagueiro contabiliza cinco partidas pela Ponte Preta, sendo a última no segundo tempo do Dérbi 196, disputado em 16 de março, o último compromisso antes da pausa.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: Última opção de João Brigatti, Cléber Reis vive ostracismo na Ponte Preta | DF MANCHETES

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top