Fluminense

Virada? Fluminense tem baixo poder de reação ao longo de 2021; veja números

Foto: Lucas Merçon/FFC

O cântico da torcida tricolor “Vamos virar, Nense” é frequente quando o time está atrás do placar. No entanto, a execução dentro de campo pelos jogadores não é realizada com sucesso. A derrota para o Santos na última quarta-feira deixou claro mais uma vulnerabilidade do Fluminense: o poder de reação. A equipe comandada por Marcão depois que sofre um gol, é muito difícil tomar a frente no placar. Com isso se tornando cada vez mais frequente, os adversários podem se aproveitar dessa fragilidade.

Dos 70 jogos do time na temporada, o Tricolor venceu 32 vezes, empatou 19 e perdeu 19 também. Dos triunfos, apenas quatro partidas o time conseguiu reagir. Sendo um pelo Campeonato Carioca, dois pelo Campeonato Brasileiro e um pela Copa Libertadores.

+ Falta de intensidade e falhas individuais determinam derrota do Fluminense

+ Marcão analisa ‘jogo difícil’ contra o Santos, mas valoriza entrega do Fluminense

Pela competição estadual, a equipe, que ainda era comandada por Roger Machado, venceu no sufoco contra o Madureira. O Tricolor Suburbano abriu o placar ainda no primeiro tempo, mas o Tricolor das Laranjeiras foi virar somente com quase 20 minutos do segundo tempo. Depois da reação, o time conseguiu aplicar um 4 a 1, pela 11ª rodada do Carioca, no Maracanã.

Pelo Brasileiro de 2020, mas que teve a realização neste ano por conta da pandemia da Covid-19, o Fluminense conseguiu reagir contra o Flamengo. Arrascaeta colocou o Rubro-Negro na frente, mas Luccas Claro e Yago Felipe viraram para o Tricolor. Já pelo Brasileiro de 2021, o time carioca virou para cima do Sport pela 11ª rodada da competição. O Leão fez o primeiro com André, de pênalti. Na segunda etapa, Lucca marcou os dois gols da vitória fora de casa.

Na Copa Libertadores, o Fluminense teve a alegria de vencer o Santa Fé por 2 a 1, de virada, com gols de Fred e Caio Paulista. Na ocasião, o Tricolor estava na fase de grupos da competição.

– Sobre não conseguir virar um jogo, é uma coisa que vai ser falada, trabalhada. Se acontecer em algum outro jogo, vamos estar preparados para escolher a melhor formação, a melhor situação, para mudar esse quadro – disse em Marcão em coletiva.

O Tricolor da Laranjeiras deixou de somar sua terceira vitória consecutiva e estaciona nos 38 pontos, ficando no 8º lugar. No domingo, às 16h, a equipe de Marcão vai até o Castelão, medir forças com o Ceará, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top