Vasco

Vasco aguarda Marcelo Cabo para analisar situação de Gustavo Torres; atacante pode voltar para a Colômbia

Gustavo Torres tem 11 jogos com a camisa do Vasco (Foto: BRUNA PRADO/AFP via Getty Images)

POR GABRIEL RODRIGUES E JOEL SILVA

Antes considerado carta fora do baralho, o atacante Gustavo Torres agora depende da avaliação de Marcelo Cabo, novo treinador do Vasco, para saber se permanecerá ou não no clube. Anunciado na noite do último sábado como técnico do Cruz-Maltino, Cabo só vai desembarcar no Rio de Janeiro na terça-feira. E isso é determinante para a situação do colombiano.

Isto porque a janela de transferências internacionais na Colômbia fecha na próxima sexta-feira. E a ideia do Vasco, caso Marcelo Cabo não tenha a intenção de aproveitar o jogador, é negociar o atacante com o algum clube colombiano, porque a diretoria entende que não conseguirá repassar o jogador dentro do Brasil. Por isso a pressa para resolver a situação de Gustavo Torres o quanto antes.

Gustavo Torres foi emprestado pelo Atlético Nacional-COL ao Vasco, com contrato até o fim de 2021. Quando o clube decidiu que o Torres estava fora dos planos, se estudou a possibilidade de “devolver” o atacante ao Atlético Nacional, mas não há cláusula no contrato que permita ao Vasco fazer uma “devolução”.

O atacante colombiano chegou ao Vasco em outubro de 2020, mas não conseguiu engrenar no clube. Foram 11 partidas disputadas e nenhum gol marcado. Após as festas de fim de ano, o jogador de 24 anos se reapresentou com atraso e irritou o técnico Vanderlei Luxemburgo, que nunca utilizou o jogador.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top