e-Sports

Valorant: YNG Sharks se classifica pelo Lower Bracket para a Grande Final e garante vaga no Masters da Islândia

Foto: Reprodução/Riot Games.

A tarde de hoje (08) foi de decisão no VCB Finals com os últimos dois jogos do Lower Bracket. A YNG Sharks se classificou para a Grande Final do VCB e para o Masters da Islândia depois de ganhar da FURIA Esports de virada em um jogo elétrico. Para chegar ao confronto com a Sharks, a FURIA ainda precisou vencer da Havan Liberty no primeiro jogo do dia. A Sharks jogará amanhã na Grande Final contra Team Vikings para decidir o campeão do Valorant Challengers Brazil.

O primeiro compromisso da tarde de VCB foi entre FURIA Esports e Havan Liberty. As duas equipes venceram ontem pelo Lower Bracket e se enfrentaram hoje pela possibilidade de continuar na competição. A FURIA foi superior e confirmou uma vitória expressiva de 2 a 0 na Havan Liberty e avançou para a partida contra a YNG Sharks. Em Icebox, a HL começou bem, mas viu a FURIA pontuar muitos rounds em sequência como atacantes, e não conseguiu reverter o placar na segunda metade do mapa. Em Ascent, a FURIA foi ainda melhor, com um placar largo de 13 a 4, a equipe foi com tudo para cima da Havan Liberty, que não viu seus melhores jogadores “heat” e “shion” terem uma boa atuação. Com a vitória, a FURIA avançou para o último jogo do Lower Bracket, contra a YNG Sharks, valendo a vaga na final do VCB e no Masters de Reykjavík.

O segundo confronto do dia valeu vaga no Masters da Islândia e na Grande Final do VCB. FURIA Esports e YNG Sharks se enfrentaram em um duelo que prometia muito equilíbrio, mas cada equipe foi muito superior à outra, cada uma em seu mapa, deixando o jogo para ser decidido no terceiro mapa. No primeiro mapa, Bind, A Sharks começou anulando bem as jogadas ofensivas da FURIA, mas foi perdendo espaço ao longo do mapa, e na segunda metade a equipe foi incapaz de pontuar, fechando o primeiro mapa com o placar de 13 a 4 para a FURIA. Em Ascent, mapa de escolha da FUR, a equipe de Xand foi colocada no bolso pela Sharks, que simplesmente não tomou conhecimento da equipe da FURIA e aplicou o placar de 13 a 3. Em Icebox, a FUR chegou a abrir 8 pontos de vantagem, mas viu a SHK reverter a vantagem, levar o mapa, e garantir a vaga na Grande Final do VCB e Masters.

Confira um pouco do que rolou nas partidas:

FURIA Esports (2) x (0) Havan Liberty

Line-up FUR: teddy, nzr, xand, Khalil e qck.

Line-up HL: heat, shion, myssen, pleets e liazzi.

Icebox (FUR 13 x 7 HL): No início do mapa, o jogo parecia que penderia para a Havan Liberty, que chegou a abrir um placar de 3 a 1 com jogadas bem sólidas. Mas a FURIA de Xand acordou depois do terceiro ponto da Havan, e a equipe veio com tudo para emplacar uma sequência de oito pontos seguidos, chegando ao final da primeira etapa com um placar de 9 a 3.

Após a troca de lados, a HL voltou a pontuar no Round Pistol e no econômico com destaque para as jogadas ofensivas de Shion, mas a FURIA retomou a vitória com dois Clutchs, um de Khalil e outro do Nzr, ficando apenas a um ponto do Map Point. Mas a Havan Liberty não se entregou em nenhum momento, e os próximos dois rounds foram marcados pela equipe de heat e shion eliminando todos os jogadores da FUR. A defesa furiosa chegou ao 12º ponto em seguida, com excelentes abates de “qck” e “xand”, e no ponto seguinte confirmou a vitória em Icebox no primeiro confronto da noite de finais do VCB. O destaque do mapa pela FURIA foi “qck” com 22 abates e 2 first bloods. Pela Havan, o melhor jogador da equipe foi “shion”, com 20 abates e 2 first bloods.

Ascent (FUR 13 x 4 HL): A equipe da FURIA saiu na frente com uma entrada rápida no ponto B e garantiu o primeiro ponto no Round Pistol. O segundo ponto furioso veio em outro plant no Spike Site B, em um avanço rápido sem perder nenhum jogador. Com entradas explosivas nas áreas de plant, a FUR abriu 4 pontos de vantagem antes do primeiro ponto da Havan, onde a equipe de Shion eliminou todos os jogadores adversários sem perder nenhum jogador. O segundo ponto da Havan Liberty veio depois de mais dois pontos da FURIA. Com mais uma boa série depois do terceiro ponto da HL, a FUR chegou à troca de lados com um placar de 9 a 3.

Na segunda metade, a FUR continuou pontuando e levou o Round Pistol, mas viu sua sequência ser interrompida por um ponto da HL no econômico. Depois do quarto ponto da equipe de “heat” A FURIA marcou todos os pontos até confirmar a vitória com um placar de 13 a 4. O destaque do mapa pela FUR foi Xand, com 20 abates e 2 first bloods. Pela Havan Liberty, heat foi o melhor jogador com 13 abates e 3 first bloods.

O MVP da série foi ninguém menos que “QCK”, da FURIA, com um AMA de 1.6, dano por rodada em 126.3 e 12% dos first bloods.

FURIA Esports (2) x (0) YNG Sharks

Line-up FUR: teddy, nzr, xand, Khalil e qck.

Line-up SHK: fra, DeNaro, gaabxx, light e prozin.

Bind (FUR 13 x 5 SHK): A SHK levou os dois primeiros rounds, mas em seguida viu a FUR empatando. A partir da igualdade no placar, as duas equipes se revezaram na liderança, em uma primeira metade onde ninguém deu nada de graça pra ninguém. Quando a SHK alcançou o placar de 5 a 4, a FUR pediu uma pausa tática. No retorno, a FUR conseguiu a virada mas logo sofreu o empate. Somente depois do 5 a 5 que a FURIA conseguiu emplacar a primeira sequência e abriu uma vantagem de dois pontos no final da primeira metade com um placar de 7 a 5.

Após a troca de lados, o time de xand cresceu pra cima da Sharks, e marcou uma sequência de 6 pontos começando com o Pistol da segunda metade. A SHK simplesmente não conseguiu jogar e não pontuou nenhuma vez após a troca de lados. A FURIA alcançou a primeira vitória da série pelo placar de 13 a 5. O destaque do mapa pela FUR foi Khalil com 18 abates e 2 first bloods, já pela SHK, DeNaro teve o melhor desempenho com 12 abates e 2 first bloods.

Ascent (FUR 3 x 13 SHK): No mapa de escolha da FURIA, quem deu show foi a Sharks. A equipe furiosa até levou o Round Pistol, mas não conseguiu aplicar boas jogadas ofensivas no resto da primeira metade. “Prozin” que não foi bem no primeiro mapa, apareceu mais em Ascent e foi responsável por vários abates. A superioridade da Sharks ficou evidente com o placar de 10 a 2 no fim da primeira metade.

Após a troca de lados, a FUR conseguiu levar o primeiro Round Pistol em um bom Clutch de teddy, mas viu a Sharks retomar a vitória no round forçado. A SHK continuou atropelando, e chegou ao Map Point com o placar de 12 a 3, e no round seguinte, garantiu a vitória do mapa com a última eliminação na faca durante a ultimate da Killjoy da Sharks. O melhor jogador da FUR no mapa foi Xand com 14 abates, já pelo lado da SHK, Prozin teve o melhor desempenho também com 14 abates.

Icebox (FUR 10 x 13 SHK): No mapa de decisão, a FURIA começou bem e levou o Round Pistol assim como o econômico. Em Icebox o duelo foi o mais desequilibrado da noite, com a FUR abrindo oito pontos de vantagem antes do primeiro ponto da SHK. Quando a Sharks finalmente pontoou, a equipe deu sinal de que iria crescer mais no jogo, e após o segundo ponto dos tubarões, a FUR pediu sua primeira pausa tática do mapa. A pausa não foi muito efetiva, porque os dois próximos rounds também foram levados pela SHK, encerrando a primeira metade com um placar de 8 a 4 para a FUR.

Na segunda metade, a YNG Sharks cresceu demais na partida e pontuou sequências impressionantes, tirando a desvantagem chegando a virar a partida para 10 a 9. Mas a FURIA também não queria abrir mão da vaga na Islândia, e logo no round seguinte a equipe voltou a empatar, colocando fogo no final da partida. Infelizmente para a FUR, a SHK chegou aos 12 pontos contra 10, e no round seguinte garantiu a vitória e carimbou o passaporte para a Islândia. Pela FURIA, o melhor jogador foi “qck” com 24 abates e 2 first bloods, enquanto pela SHK, “gaabxx” foi o destaque com 27 abates e 9 first bloods.

A Grande Final do VCB acontece amanhã (08), entre YNG Sharks e Team Vikings, às 17h, no modelo MD5. A transmissão será feita pelos canais oficiais de Valorant da Riot Games na Twitch, YouTube e Nimo TV.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook para ficar por dentro de tudo que rola no VCB Finals.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top