Botafogo

Victor Cuesta é apresentado no Botafogo e valoriza escolha pelo clube carioca: ‘não tive dúvida’

Botafogo Victor Cuesta

Victor Cuesta foi apresentado pelo Botafogo e falou sobre sua chegada ao clube carioca. Confira:

Foto: Divulgação/Botafogo

Na tarde desta quinta-feira (14), o Botafogo realizou a apresentação do zagueiro Victor Cuesta, novo reforço da equipe para a temporada. Depois de cinco anos com a camisa do Internacional, o argentino conversou com a imprensa e falou sobre o novo desafio no Rio de Janeiro.

Assim como vários outros reforços, Cuesta citou o projeto do novo Botafogo como um dos fatores determinantes para sua decisão de aceitar a proposta. Além disso, ele também aproveitou para valorizar o tamanho do clube carioca.

– O projeto é interessante, como a gente está vendo, montaram um elenco competitivo, forte. Quando me ligaram, não tive dúvida de aceitar esse projeto. Vou tentar me adaptar rapidamente à cidade e ser feliz com meus companheiros. Time grande do futebol brasileiro, do carioca também, então não tive a menor dúvida.

O zagueiro chegou a ser um dos melhores do Brasil com a camisa do Inter, mas caiu de rendimento nos últimos meses. Com a mudança, ele espera retomar a boa fase e encaixar bem no esquema de Luís Castro que, segundo o argentino, possui um estilo parecido com o dos últimos técnicos que teve no Colorado.

– Muito feliz por estar aqui, por fazer parte deste projeto. A ideia do nosso treinador é muito boa. Eu vinha trabalhando assim com treinadores do Inter, que jogavam de uma forma parecida.

Confira outros trechos da entrevista coletiva de Victor Cuesta

Questão física

– Fisicamente, muito bem, eu sou um trabalhador, sempre procuro fazer meu melhor. Claro que em 2022 tenho que reconhecer que não comecei da minha maneira. Mas vou trabalhar para ser o jogador de 2017, 2018, 2019 e parte de 2021 também.

Expectativa no novo clube

– Às vezes, quando ficamos muito tempo um clube e não conseguimos obter os objetivos, é importante mudar de ares tanto pro clube quanto para o jogador. Estou aqui para retomar meu bom futebol. E sobre a partida da primeira rodada foi lindo de ver um time competitivo com o apoio da torcida, que veio em quantidade, então espero viver isso bem de perto.

Conversa com Carli

– Ele (Carli) me convidou para ir ao camarote em que ele estava. Me contou que fez o gol do título do carioca em 2018. Espero seguir os passos dele. Venho falando bastante com o Gatito também, aos poucos venho conhecendo os companheiros aqui. Espero dar o meu melhor e ajudar, porque é uma camisa muito pesada e um clube gigante.

Naturalização

– Está na parte final, o processo de naturalização, e espero que possa conseguir rapidamente, porque se o clube precisar dessa vaga de estrangeiro, fica disponível. Faz cinco anos que eu estou aqui no Brasil, e estou muito feliz nesse país que me acolheu muito bem, sobretudo no Rio Grande do Sul, onde está minha família, e agora é construir uma história aqui no Rio.

Estilo de jogo

– Eu gosto de ajudar na construção do jogo. Eu sou zagueiro, a minha primeira função é defender, então vou trabalhar para dar meu melhor, e deixar a avaliação para a torcida.

Copa do Brasil

– Ainda não estou ciente se posso jogar, espero que sim, para tentar ajudar o time em uma competição nacional tão importante, tão difícil quanto o Brasileiro. Vou trabalhar para, caso o treinador precise de mim, eu possa estar apto.

Luís Castro

– Eu tive muitas conversas com todos, estou super adaptado no Brasil. Estou dividindo o quarto com o Klaus (Willian), e ele já trouxe o chimarrão, então estamos colocando as conversas em dia. Eu também joguei com o Diego Gonçalves na série B. E o treinador me pediu que eu seja agressivo na hora de marcar, construir e ajudar o time na hora de ter a bola.

Campeonato Brasileiro

– É uma competição muito difícil, e todo ano é diferente. As equipes estão se reforçando melhor, estão muito competitivas, com grandes jogadores. Então vou tentar compartilhar minha experiência para que possamos fazer um grande campeonato e atingir os nossos objetivos.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top