Internacional

Vitor Hugo, promissor goleiro da base do Inter, fala sobre primeiras experiências no profissional

Ricardo Duarte/Internacional

Historicamente, o Internacional sempre formou grandes goleiros, como Taffarel e Alisson Becker, por exemplo. No entanto, nas últimas temporadas, o clube optou pela contratação de arqueiros de fora, como Danilo Fernandes e Marcelo Lomba. Somente neste ano, o Colorado voltou a apostar na base, com Daniel na titularidade e o promissor Vitor Hugo figurando no banco de reservas em algumas partidas.

Com 1,95m, Vitor Hugo é o mais alto goleiro do elenco, e considerado uma promessa internamente. Tanto é que, com apenas 20 anos, já treina seguidamente entre o elenco profissional, sendo, inclusive, seguidamente chamado para compor o banco de reservas. No entanto, o jovem ainda não conseguiu estrear, tento em vista que, atualmente, é o terceiro na hierarquia, atrás de Daniel e Marcelo Lomba.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube!

Apesar de terceira opção, Vitor Hugo celebra já estar com o elenco profissional do Internacional. Em contato com o Esporte News Mundo, através da assessoria de imprensa, o jogador falou da importância desta subida ao time principal e ressaltou que foi bem recebido pelos companheiros.

– Tem sido um momento muito importante pra mim. Não é fácil você vestir a camisa do Internacional e sei da responsabilidade que é defender essas cores. Desde que cheguei no clube, o professor e todo grupo me acolheu muito bem, o que me ajuda muito na minha evolução – disse Vitor Hugo.

A saída de Danilo Fernandes para o Bahia, no começo de julho, e a iminente liberação de Marcelo Lomba no final da temporada, Vitor Hugo já começou a ser preparado para atuar no time profissional em 2022. Além dos treinamentos com o elenco principal, o jovem vem participando das partidas do Campeonato Brasileiro Sub-20, para manter o ritmo de jogo.

As principais características de Vitor Hugo são a boa saída com os pés e o reflexo, aliada a boa envergadura. Fatos estes que o ajudaram a ser um dos destaques do time no empate do colorado contra o Grêmio, pelo Brasileirão Sub-20, e o fazem acreditar na titularidade a partir da próxima temporada.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top