Esportes olímpicos

Wanderson Oliveira vence sírio na estreia do Boxe do Brasil, em Tóquio

Wanderson Oliveira vence sírio na estreia do Boxe do Brasil, em Tóquio
COB/Divulgação

Na estreia do Boxe em Tóquio, o brasileiro Wanderson Oliveira venceu por decisão unânime dos juízes, o lutador Wessam Salamana, da Equipe Olímpica de Refugiados, e garantiu a vaga para as oitavas de final, na categoria até 63 kg.

Na Kokugikan Arena, tradicional palco de lutas de sumô no Japão, o pugilista verde e amarelo foi o primeiro a subir no ringue pelos Jogos Olímpicos de Tóquio. Na luta, o brasileiro encaixou bem os diretos e cruzados, vencendo o primeiro assalto. No segundo round, os juízes deram a vitória ao brasileiro, mesmo resultado do terceiro e último round.

O próximo desafio de Wanderson Oliveira será diante de Dzmitry Asanau, de Belarus. O pugilista do Leste Europeu venceu Obada Alkabesh, da Jordânia, em sua estreia também por 5 a 0.

Ao vivo: confira tudo sobre as Olimpíadas no ENM
+ Dias e horários dos jogos e competições das Olimpíadas de Tóquio

Em Tóquio, a delegação brasileira do boxe é composta por sete atletas, todos estreantes em Jogos Olímpicos. Atrás somente do judô em conquistas olímpicas nas últimas duas edições dos Jogos (7 a 4), o boxe chega a Tóquio com expectativas altas perante o torcedor brasileiro. Medalhistas no Mundial de 2019, Beatriz Ferreira (60kg) e Hebert Conceição (75kg) são os cabeças-de-chave número 3 em suas categorias, assim como Jucielen Romeu (57kg). Isso representa 43% da equipe, que tem sete integrantes em Tóquio. 

Confira os próximos compromissos dos atletas brasileiros do Boxe:

26/7 (7h39 do Brasil) – até 57kg feminino – Jucielen Romeu x Karriss Artingstall (Grã-Bretanha) ou Sadie Kenosi (Botsuana)

27/7 (6h18 do Brasil) – até 91kg masculino – Abner Teixeira x Cheavon Clarke (Grã-Bretanha)

28/7 (2h12 do Brasil) – até 81kg masculino – Keno Marley x Daxiang Chen (China) ou Shabbos Negamtulloev (Tadjiquistão)

29/7 (5h do Brasil) – até 75kg masculino – Hebert Conceição x Eribieke Tuoheta (China) ou Ashish Kumar (Índia)

++Daniel Cargnin conquista o bronze para o Brasil no segundo dia do judô em Tóquio; Larissa Pimenta caiu nas oitavas

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top