Futebol americano

Washington FT derrotam Seahawks e emplacam a terceira vitória seguida

Foto: Washington Football Team/Site Oficial

Com tons de drama no final, o Washington Football Team (5-6) derrotou o Seattle Seahawks (3-8) nesta segunda (29) por 17 a 15, no Fedex Field, em Landover, na partida que fechou a 12ª semana de jogos da temporada 2021 da NFL. Foi a terceira vitória seguida da equipe da capital americana, que chega agora a zona de classificação para os playoffs faltando apenas seis semanas para o fim da temporada regular da liga.

Já para os Seahawks foi a sexta derrota da equipe em sete partidas, reduzindo ainda mais as chances da equipe treinada por Pete Carroll chegar a pós-temporada. Mais uma vez, o quarterback Russell Wilson (20-31, 247 jardas e 2 TD) não conseguiu ser efetivo para o ataque do time de Seattle, sofrendo a terceira derrota consecutiva desde quando retornou de uma cirurgia no dedo da mão.

Defesa de Washington se impõe e ‘estraga’ aniversário de Wilson

Foi o WFT que abriu o placar, com uma campanha de 15 jogadas no primeiro quarto finalizada com um field goal de 23 jardas do kicker Joey Slay. A resposta dos Seahawks veio na campanha seguinte. O aniversariante da noite Russell Wilson (33 anos) acertou um belo passe de 55 jardas, colocando o ataque em ótima posição no campo de ataque. Na sequência, Wilson acertou um passe de seis jardas para Gerald Everett na endzone, colocando Seattle na frente no marcador por 7 a 3. As coisas pareciam estar favoráveis aos visitantes, quando no segundo quarto a defesa interceptou o passe do QB Taylor Heinicke (27-35, 223 jardas, TD, INT) e recuperou a bola. Mas, logo na sequência, o running back dos Seahawks Alex Collins vacilou e cometeu um fumble, recuperado pela defesa de Washington.

Com a bola em mãos, Heinicke comandou a campanha ofensiva que resultou no primeiro TD da noite para o RB J.D McKissic, recebendo um passe de 10 jardas e recolocando o WFT na frente. Mas na cobrança do ponto extra, a defesa dos Seahawks bloqueou o chute de Slay (que se lesionou no lance e não retornou mais a partida) e Rasheen Green retornou a bola para a endzone adversária, marcando dois pontos e deixando a partida empatada em 9 a 9 no intervalo.

Na segunda etapa o ataque dos donos da casa começou com a bola e McKissic marcou o segundo TD da noite, desta vez anotando um TD numa corrida de 10 jardas. Na tentativa da conversão de dois pontos, o RB Antônio Gibson ampliou a vantagem dos donos da casa para 17 a 9. Gibson, aliás, foi um dos destaques ofensivos da noite para o WFT, registrando 111 jardas corridas em 29 carregadas.

Já o ataque dos Seahawks seguia ineficiente, com Wilson errando vários passes na tentativa de encontrar seus corredores e desperdiçando várias campanhas ofensivas. E por outro lado, Washington não aproveitou para ampliar sua vantagem. A partida chegou com o placar inalterado até o último quarto de jogo. Então Washington manejou uma campanha de 84 jardas em 16 jogadas, para tentar selar a vitória. Sem poder contar com o kicker Slay, machucado, restou ao ataque tentar converter uma tentativa de quarta descida na linha de três jardas faltando menos de três minutos para o final. Mas a tentativa de passe de Heinicke para o WR Logan Thomas, inicialmente dada como touchdown pelos árbitros, foi anulada após revisão no vídeo.

Quer ficar por dentro de tudo dos esportes americanos? Siga o Podcast Timeout no Spotify!

Seattle então teria uma última chance para vencer a partida, com pouco mais de dois minutos no relógio. Russell Wilson, conhecido por ter ótimo aproveitamento neste tipo de situação na carreira, liderou o ataque até a linha de 32 jardas da defesa de Washington. Então, o astro acertou um lindo passe para o recebedor Freddie Swain anotar o TD, deixando a diferença em dois pontos e faltando 22 segundos para o final.

Com isso, os Seahawks eram forçados a tentar conversão de dois pontos para empatar, mas Wilson não conseguiu conectar o passe novamente na direção de Swain e foi interceptado por Kendall Fuller, mantendo o placar em 17 a 15 para o Washington Football Team, com 15 segundos ainda no relógio.

Restaria a Seattle uma última chance: acertar um onside kick e tentar recuperar novamente a bola. E o time até conseguiu realizar a milagrosa jogada. Todavia, a jogada foi anulada pela arbitragem do jogo, alegando uma formação ilegal do ataque dos Seahawks na origem do lance. Na segunda tentativa de onside kick, Washington acabou desta vez recuperando a posse, para confirmar sua vitória e a boa fase do time do técnico Ron Rivera.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top