Ponte Preta

Apesar de troca constante entre os beques, Ponte Preta atinge equilíbrio defensivo

Sem sofre gol nos dois últimos jogos, Ponte Preta atinge equilíbrio defensivo | Crédito: André Palma Ribeiro / Avaí FC
— Continua depois da publicidade —

Mesmo com rotação frequente entre os beques, a Ponte Preta tem encontrado maior estabilidade no sistema defensivo.

Após críticas no início de agosto, Macaca não foi vazada nos dois últimos jogos na Série B do Campeonato Brasileiro nas vitórias por 1 a 0 em cima de Botafogo-SP e Avaí e saiu em alta.

LEIA MAIS: A pedido da TV, CBF altera horário do jogo da Ponte Preta contra o Cruzeiro

“É o segundo jogo que não tomamos gol. Isso vem mostrando que a gente tem trabalhado em busca do equilíbrio. Você vê que estamos procurando aprimorar vários tipos de treinamento, principalmente para a nossa defesa para ter esse equilíbrio”, declarou o técnico João Brigatti, em coletiva de imprensa.

“É para todos se entenderem ali, principalmente com os laterais e com os volantes pela frente para dar uma sustentação para os nossos dois zagueiros. Eu acho que a equipe se comportou muito bem contra o Avaí, principalmente na parte defensiva”, acrescentou o treinador.

No início do torneio nacional, Alvinegra enfrentou dificuldades na zaga e, aos poucos, tem se encaixado.

Por outro lado, considerando os dez primeiros colocados, time campineiro amarga a segunda pior defesa (10) – ao lado do Juventude – e só fica atrás do Náutico (11) neste quesito.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo