Futebol Internacional

Família de Emiliano Sala entra com processo contra clubes da França e Inglaterra e busca respostas para o caso

Foto: Divulgação Nantes

O jogador argentino Emiliano Sala foi morto em janeiro de 2019 quando o aeronave que o levava da França para a Inglaterra caiu no canal da mancha, local que fica entre os países. Até hoje a família não tem todas as respostas sobre o acidente. E por causa, segundo informações da imprensa da França, resolveu entrar na justiça contra os clubes envolvidos na época, Nantes da França e o Cardiff City da Inglaterra, e também contra o piloto, que era responsável pelo voo, David Henderson, no qual delegou a função para um companheiro, David Ibbotson, que morreu junto do atleta e nunca teve seu corpo encontrado. A ação é com a Autoridade de Aviação Civil do Reino Unido para julgar o piloto por negligência e descuido.

                 

Em março de 2020, o departamento de investigações especializadas no caso disse que nem o piloto, tampouco a aeronave da companhia Piper Malibu, tinham licença para operar o voo comercial.

– É uma tragédia dois anos terem se passado desde a morte de Emiliano e ainda não sabermos exatamente como e o porquê ele morreu. Uma investigação é a única maneira de se estabelecer toda a verdade – falou David Machover, advogado da família, numa entrevista em janeiro de 2021.

+ Caso Emiliano Sala completa dois anos sem respostas sobre o acidente

Para saber mais sobre Futebol Internacional siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitterFacebook e no Youtube.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo