Futebol Internacional

United vence mais uma de virada e encosta na parte cima da tabela

Foto: PETER POWELL/POOL/AFP

Sheffield United e Manchester United se enfrentaram pela 13ª rodada da Premier League em situações bem diferentes. Enquanto o time da casa buscava a primeira vitória no campeonato, os visitantes procuravam encostar no bloco de cima da liga.

E parecia que a zebra ia passear no Bramall Lane. Aos 4 minutos, o goleiro Henderson vacilou dentro da pequena área e McGoldrick não perdoou. Mas a alegria dos torcedores do Sheffield não duraria muito. Aos 25, Rashford recebeu belo lançamento e bateu bonito para empatar o jogo. Ainda deu tempo de o United virar aos 33 com Martial, que aproveitou um vacilo da zaga e marcou o gol da virada.

No segundo tempo o United entrou para matar o jogo. Rashford, de novo, aos 6 minutos deu sequência a um grande contra-ataque para colocar os Red Devils numa situação ainda mais confortável. O Sheffield parecia conformado com o placar, mas McGoldrick, novamente, reascendeu a esperança do empate com um gol aos 41. Mas não houve tempo para mais nada. Final de jogo com vitória do United por 3 a 2. Foi a sexta vitória de virada fora de casa do time na temporada.

Com o resultado, o United chega a 6ª colocação, com 23 pontos, apenas dois a menos do vice-líder Tottenham, mas com um jogo a menos. Já o Sheffield segue seu calvário na última colocação com apenas um ponto conquistado em 39 disputados.

No próximo jogo os Red Devils encaram o Leeds United no Old Trafford, enquanto o Sheffield visita o Brighton no AmEx Stadium.

Primeiro tempo

O jogo começou a mil por hora. O Sheffield aproveitou para abrir o placar logo aos 4 minutos. O goleiro Henderson vacilou na saída de jogo e perdeu a bola para Burke na pequena área. McGoldrick aproveitou a oportunidade para empurrar a bola para dentro.

Aos 12, o meia Sander Berge sentiu uma lesão na coxa e o treinador Chris Wilder aproveitou para colocar Phil Jagielka e reforçar a defesa, que passou a contar com quatro zagueiros em campo.

O Manchester forçava lançamentos, que geravam algum perigo. Martial sairia na cara do gol, mas estava impedido. Na sequência, outro lançamento de Bruno Fernandes para Rashford perder uma grande chance, porém em posição irregular.

E foi dessa forma que o United empatou. Aos 25 minutos, Lindelöf deu um lindo lançamento do campo de defesa para Rashford dominar na entrada da área e bater forte para empatar o jogo.

Não demorou para os Red Devils virarem o jogo (mais uma vez nessa temporada). Aos 33, outro lançamento, com Pogba agora, e Martial aproveitou que a defesa estava desarrumara para penetrar com tranquilidade em marcar o gol.

No lance seguinte, o United quase ampliou. Martial tocou para Rashford, que passava em velocidade, finalizar de esquerda e Ramsdale salvar.

O Sheffield não desistia de buscar o empate e Oliver Burke quase marcou após bom passe de Ampadu. O goleiro Henderson foi obrigado a fazer boa defesa e jogar a bola para escanteio.

Segundo tempo

A segunda etapa começou com um lance inspirado de Rashford, que carregou a bola em velocidade da esquerda, deixando três adversários pelo caminho, mas que terminou cum uma finalização de Greenwood em cima da zaga.

O United ampliou logo na sequência, de novo com o camisa 10. Grande contra-ataque aos 6 minutos, que começou com Pogba e passou por todos os jogadores de frente do time para ser concluído com um chute da entrada da área do Rashford, que Ramsdale aceitou.

O time da casa parecia se conformar com a derrota e pouco tentava criar no ataque, se preocupando mais em não sofrer gols. Enquanto isso, o United administrava o resultado e também não se expunha muito ao ataque.

Mas aos 41, veio um sopro de esperança para o time da casa. Escanteio para a área, indecisão de Henderson para sair do gol e McGoldrick contou com a sorte para cabecear e diminuir a desvantagem no placar.

Já nos primeiros momentos dos acréscimos, Lys Mousset acertou um voleio sem pulo e Henderson salvou o United mais uma vez. O jogo parecia totalmente virado para o empate do Sheffield nos últimos minutos.

Porém não havia tempo para mais nada. Final de jogo com mais uma derrota para o Sheffield e mais uma vitória de virada fora de casa para o United.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top