Botafogo

Adryelson, do Botafogo, desconversa sobre saída para o Lyon

Adryelson, zagueiro do Botafogo (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

O defensor foi escolhido, ao lado de Murilo, o melhor zagueiro do Brasileirão 2023 no prêmio Bola de Prata

Foto: Vitor Silva/Botafogo

O zagueiro Adryelson conseguiu se destacar no Campeonato Brasileiro mesmo em meio à derrocada do Botafogo que fez perder o título e ainda terminar a competição apenas em quinto lugar. Convocado para a seleção brasileira pela primeira vez nesta temporada, o defensor foi escolhido, ao lado de Murilo, o melhor zagueiro do Brasileirão 2023 no prêmio Bola de Prata nesta quinta-feira.

                 

+ Mazzuco classifica returno do Botafogo como ‘pífio’ e foca em retomar ‘mentalidade vencedora’

Durante o evento, ele fez um balanço do ano alvinegro e comentou a possível transferência para o Lyon, da França.

–Vou aproveitar as férias. Como falei, sou muito grato pela temporada que fiz, o grupo todo. (Sobre o futuro) deixo nas mãos do meu empresário, do Botafogo. Agora vou aproveitar as férias — falou.

Adryelson também fez um diagnóstico da campanha frustrante do Botafogo no Brasileirão e apontou os fatores-chave para o declínio.

– Creio que começou a pesar mais porque a gente sempre saia na frente e tomava o empate. Contra o Palmeiras e Grêmio foram baques muito grandes. Não é fácil tomar gol sempre no último minuto — analisou o zagueiro.

Embora provavelmente não vá permanecer no Botafogo para 2024, Adryelson demonstrou confiança em um time mais forte na próxima temporada.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo