Atlético-MG

Atlético-MG busca evitar pior campanha em 17 anos contra o Athletic

Elenco do Atlético Mineiro (Foto: Pedro Souza / Atlético)

Após um início de temporada ruim do Atlético Mineiro, com uma vitória e duas derrotas, o Galo precisa vencer para não repetir a campanha de 2007.

Foto: Pedro Souza / Atlético

Logo mais, às 21 horas, o Atlético Mineiro vai até São João del Rei enfrentar o Athletic, pela 4ª rodada do Campeonato Mineiro. O início de temporada alvinegro, sem dúvida, está sendo bem abaixo do esperado. Apesar de uma goleada na segunda rodada, o Galo perdeu as outras duas partidas que disputou no ano.

                 

Logo na estreia, em Patrocínio, o alvinegro perdeu de virada para o Patrocinense por 2 a 1. E no último sábado, o Atlético perdeu o clássico em casa por 2 a 0, em uma atuação contestada por parte dos torcedores.

Com as duas derrotas e apenas uma vitória, o Galo tem um dos piores inícios de temporada dos últimos anos, e em caso de um novo tropeço, terá o pior início desde 2007. Caso o Galo empate, igualará o começo ruim daquele ano, somando apenas 1 vitória, 1 empate e 2 derrotas.

Para saber tudo sobre o Atlético-MG, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Em 2007, o Atlético havia acabado de subir da segunda divisão e era comandado pelo técnico Levir Culpi. O Galo perdeu as duas primeiras partidas, contra o Villa Nova e o Tupi, empatou a terceira contra o Rio Branco e só venceu na 4ª rodada em clássico contra o Cruzeiro no Mineirão.

Compare as duas campanhas: 

2007

Atlético 2 x 3 Villa Nova 
Tupi 2 x 0 Atl
Atl0 x 0 Rio Branco 
Cruzeiro 1 x 3 Atl

Gols feito: 5
Gols sofridos: 6

2024

Patrocinense 2 x 1 Atlético 
Atl 4 x 0 Democrata 
Atl 0 x 2 Cruzeiro 
Athletic x Atl*

Gols feito: 5
Gols sofridos: 4

* partida de logo mais 

Em 2007, após 4 rodadas, o Atlético havia conquistado 4 pontos. No caso de 2024, após as 3 rodadas, o Galo conquistou 3 pontos e precisa de uma vitória para superar a campanha de 2007. 

Para saber escalações, retrospecto, onde assistir, palpite e mais. Clique aqui.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo