Botafogo

Atuações ENM: Danilo Barbosa marca e se destaca em empate amargo do Botafogo; veja notas

Danilo Barbosa marcou pelo segundo jogo consecutivo (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

Botafogo venceu o Santos por 1a 0 na tarde desta quiarta-feira (26) e pode voltar a liderança ao final da 35ª rodada

FOTO: VÍTOR SILVA/BOTAFOGO

Tudo parecia indicar para uma vitória do Botafogo diante do Santos na tarde deste domingo (26). Após estar a frente do placar por boa parte do jogo, o alvinegro carioca cedeu o empate aos 45 minutos do segundo tempo e se distancia da briga pelo título brasileiro.
O Glorioso foi a campo com mudanças consideráveis na escalação. O treinador Thiago Nunes escalou três zagueiros, com o volante Danilo Barbosa improvisado pelo lado direito. As alterações tiveram efeito. Logo aos 11 minutos, Eduardo levantou a bola na área e Danilo Barbosa cabeceou para o fundo da rede. Este foi o segundo gol consecutivo do camisa 5 alvinegro. Após sair na frente, o Botafogo soube manter a calma e administrou o resultado até o final do segundo tempo.
O Santos pouco ameaçou a meta do Botafogo, mas após jogada ensaiada em falta pelo lado direito, Soteldo cruzou para Messias, que marcou o gol de empate do Peixe.
+Siga o Esporte News Mundo no Instagram, Twitter e Facebook.
Empate com sabores diferentes para as equipes. O Santos somou um ponto importantíssimo diante da luta contra o rebaixamento, já o Botafogo sai do jogo com sabor de derrota, após estar na frente do placar boa parte do jogo.
Ambas as equipes entram em campo na próxima quarta-feira (29). O Botafogo visita o Coritiba no Couto Pereira, às 21h30 e o Santos recebe o Fluminense na Vila Belmiro às 19h.

                 

NOTAS
Lucas Perri: 7
Danilo Barbosa: 8
Foi o grande destaque do Botafogo na partida. Improvisado como zagueiro pelo lado direito, melhorou a saída de bola alvinegra e foi muito bem defendendo. O gol logo aos 11 minutos foi uma antecipação da grande partida do camisa 5.
Cuesta:
6,5
Adryelson:
6,5
Tchê Tchê: 7
Marlon Freitas: 6,5
Gabriel Pires: 6,5
Victor Sá: 7
Jogou como ala e foi extremamente participativo. Foi crucial na recomposição do time e muito presente também na defesa, freando o avanço dos alas santistas.
Eduardo: 7,5
Grande partida do meio-campista alvinegro. O camisa 33 jogou mais a frente, perto dos atacantes e soube cadenciar o jogo quando preciso.
Júnior Santos: 6,5
Tiquinho Soares: 6
O artilheiro do Botafogo na temporada não fez uma boa partida. Participativo, como de costume, ele tentou buscar muito o jogo, mas não foi feliz nas tomadas de decisão e fez partida abaixo do nível já demonstrado na competição.

SUBSTITUIÇÕES
Luís Henrique:
6,5
Janderson:
6
Di Plácido:
6
Bastos:

Segovinha:

+Leia mais sobre o Botafogo

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo