Copa do Mundo - Qatar 2022

Atuações ENM: Qatar novamente mostra fraqueza e se despede da Copa sem vitórias

Jogadores do Qatar
Julian Finney/Getty Images

A primeira participação do Qatar na história da Copa do Mundo teve o mesmo resultado dos primeiros dois confrontos: derrota. Em mais uma fraca atuação, os anfitriões sucumbiram à seleção com maior qualidade técnica e perderam para os Países Baixos por 2 a 0, com gols marcados por Cody Gakpo e Frenkie de Jong. A partida foi disputada no Estádio Al Bayt, em Al Khor/QAT, válida pela terceira e última rodada do Grupo A.

                 

Os Países Baixos começaram a partida no ataque e já chegaram na área com meio minuto, quando Memphis recebeu passe de van Dijk, mas não dominou a ponto de finalizar. Porém, o Qatar não ficou atrás e respondeu com Al-Haydos em finalização da intermediária defendida por Noppert. A partir daí, um predomínio laranja. Com mais qualidade técnica e jogadores que têm mais características para fazer a diferença, foi um bombardeio neerlandês até os 20 minutos. Quando os anfitriões passaram a apertar um pouco mais, o destaque holandês resolveu. Após receber de Memphis e tabelar com Klaassen, Cody Gakpo recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro no canto de Barsham para abrir o placar. Como ocorreu nas outras partidas, os comandados de Louis van Gaal cadenciaram o jogo, mas os donos da casa não conseguiram impor pressão para buscar o empate.

Siga toda a cobertura do Esporte News Mundo na Copa do Mundo 2022 pela hashtag #CopanoENM ou clique neste link.

Embora o Qatar tenha iniciado as ações ofensivas, a estratégia de buscar o empate ruiu em pouco tempo. Aos quatro minutos, Klaassen recebeu de Dumfries na direita e cruzou. Khoukhi tentou afastar e facilitou o domínio de Memphis, que finalizou e Barsham defendeu à queima-roupa. No rebote, Frenkie de Jong empurrou o rebote ao gol vazio. Com a situação definida, os Países Baixos tiveram ainda mais o controle do jogo e estavam mais próximos de ampliar a vantagem do que serem surpreendidos. A Laranja Mecânica chegou até a marcar o terceiro gol, quando Janssen recebeu de Gakpo, entrou livre na área e rolou para Berghuis marcar, mas Gakpo dominou a bola com o braço e o tento foi anulado após revisão da arbitragem de vídeo.

Siga o Esporte News Mundo no Facebook, Twitter, YouTube, Instagram e TikTok.

Com o resultado, os neerlandeses terminam a fase de grupos na liderança da chave com sete pontos conquistados, enquanto os catarianos foram o segundo anfitrião a ser eliminado na primeira fase e a seleção de pior desempenho como país-sede, sem pontuar. Os Países Baixos e Senegal avançam às oitavas de final e esperam a definição dos dois primeiros colocados do Grupo B – composto por Inglaterra, Estados Unidos, Irã e País de Gales – para saber quais serão seus respectivos adversários.

Qatar se despediu da Copa do Mundo 2022 contra os Países Baixos
Matthias Hangst/Getty Images

Destaques

É difícil encontrar algum atleta que tenha sido diferencial em relação aos outros companheiros de elenco no Qatar. Embora a seleção não fosse considerada como candidata a buscar uma vaga nas oitavas de final, a longa preparação e o trabalho desenvolvido por Félix Sánchez foi decepcionante. Na partida contra os Países Baixos, os jogadores que atuam pelos lados foram mais participativos, além do principal nome do ofensivo. Tanto Ismaeel Mohammed e Abdelkarim Hassan se lançaram ao ataque e eram os responsáveis pelos cruzamentos. Alvo principal com destaque na partida para a quantidade de vezes que foi acionado entre as linhas de marcação, Akram Afif também foi um jogador que conseguiu ter desempenho menos criticável durante a Copa do Mundo.

Atuações

  • Meshaal Barsham (G) – 5,5
  • Ismaeel Mohammad (LD) – 6,5
  • Pedro Miguel ‘Ró-Ró’ (Z) – 6
  • Boualem Khoukhi (Z) – 6
  • Abdelkarim Hassan (Z) – 6,5
  • Homam Ahmed (LE) – 5,5
  • Hassan Al-Haydos (M) – 5,5
  • Assim Madibo (M) – 6
  • Abdulaziz Hatem (M) – 6
  • Almoez Ali (A) – 6
  • Akram Afif (A) – 6,5

Substituições

  • Ali Assadala (M) – 5,5
  • Karim Boudiaf (M) – 5,5
  • Mohammed Muntari (A) – 6
  • Musab Kheder (Z) – sem nota
  • Ahmed Alaaeldin (M) – sem nota
Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo