Futebol Internacional

Carlo Ancelotti destaca poder financeiro dos clubes ingleses e nível da Premier League

FOTO: DIVULGAÇÃO / EVERTON

Com a final da Liga dos Campeões envolvendo dois clubes ingleses, o debate sobre a força da Premier League voltou a ficar em foco na Europa. A frente do Everton nas duas últimas temporadas, o técnico italiano Carlo Ancelotti foi mais um a destacar o poderio dos clubes ingleses e reforçou o debate sobre a Premier League ser o principal campeonato nacional de clubes do mundo. Para o treinador, a competição conta com os melhores profissionais nas funções.

— A Premier League é muito competitiva, não é um campeonato como os outros. Pode se dizer muita coisa para justificar a superioridade dos ingleses. Por exemplo, há muita tática o Campeonato Italiano, o que diminui a intensidade, mas a Premier League tem os melhores jogadores e treinadores. A qualidade faz a diferença, mas isso tem um preço — disse em entrevista ao jornal italiano Corriere dello Sport.

Além disso, Ancelotti lembrou que, mesmo em uma temporada aonde os clubes sofreram financeiramente, os ingleses conseguiram fazer contratações de peso. Dessa maneira, de acordo com o treinador, foi possível superar outros grandes clubes europeus.

— Mesmo com os principais clubes sofrendo financeiramente, o Manchester City contratou o Rúben Dias, Ferrán Torres, Nathan Aké… O Chelsea gastou 200 milhões com Werner, Havertz, Chilwell e Ziyech… Já Real Madrid e Barcelona não conseguiram contratar ninguém — finalizou Carlo Ancelotti.

Experiente, o treinador já comandou equipes das cinco principais ligas do mundo e conquistou títulos em todas elas. Ancelotti ainda tenta levar o Everton ao patamar mais alto na Inglaterra, mas novamente a equipe ficará fora da Liga dos Campeões. Faltando apenas quatro rodadas para o final, o Everton ocupa a oitava colocação, com 52 pontos conquistados.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top