Seleção Brasileira

Cidade onde a Seleção Olímpica está no Marrocos, sofre terremoto de magnitude alta

Marrocos (Foto: Reprodução/Google Maps)

Os jogadores do Brasil foram instruídos a sair dos quartos e descer para a rua e depois voltaram para seus quartos de hotel

Foto: Reprodução/Google Maps

Na noite desta sexta-feira (8), Marrocos sofreu um terremoto de magnitude 6,8, anunciou o Serviço Geológico dos Estados Unidos. O tremor forte no centro de Marrakesh assustou moradores e turistas, além dos jogadores da Seleção Brasileira Sub-23, que está na cidade para amistosos.

                 

O tremor foi sentido às 23h (local – 19h de Brasília). Há relatos de dezenas de mortos e muitos danos graves no Sul do país, em locais de difícil acesso. O terremoto teve profundidade de 18,5 quilômetros, segundo o USGS. E segundo alguns serviços de imprensa, foi sentido em Portugal, Argélia e Espanha.

Os jogadores do Brasil e a comissão técnica foram instruídos a sair dos quartos e por segurança, foram levados para a área da piscina do hotel. Após o fim dos tremores, voltaram para seus quartos onde estão hospedados, na cidade de Fez.

A CBF soltou uma nota explicando o ocorrido:

– A CBF informa que a delegação da Seleção Brasileira Pré-Olímpica está em segurança no Marrocos. O país registrou um terremoto na noite desta sexta-feira (8) de magnitude 7, segundo autoridades locais. O epicentro foi registrado próximo de Marrakesh. Atletas e integrantes da delegação sentiram o tremor e deixaram seus quartos no hotel da cidade de Fez. Por segurança, eles foram levados para a piscina do hotel e voltaram para o quarto uma hora depois do sismo – declarou a nota da CBF.

A Seleção está na cidade para realizar amistosos, visando a preparação para o Pan-Americano, que acontece em outubro, no Chile. Na quinta-feira passada, o Brasil perdeu para o Marrocos no primeiro jogo. As equipes voltam a se enfrentar na segunda-feira (11), às 16h.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo