Coritiba

Coritiba divulga com atraso o balanço de 2019; déficit é de R$ 50 milhões

O balanço foi divulgado com três meses de atraso. Foto: Divulgação/Coritiba

O Coritiba divulgou na noite de segunda-feira (20), o balanço financeiro do ano de 2019, que apresenta déficit de R$ 50,4 milhões. O prazo de divulgação do documento era 30 de abril. O time se justificou apontando o atraso no futebol provocado pela pandemia de Covid-19. Mesmo assim, o Conselho Deliberativo do clube aprovou o balanço.

Os direitos de transmissão sofreram as maiores quedas no balanço. Em 2018, eram R$ 58,9 milhões, que passaram para R$ 15,3 milhões em 2019. A receita com a venda de jogadores também diminuiu de R$ 11,9 milhões para R$ 2,9 milhões.

As negociações dos atletas Vanderlei, Yan Couto, Luis Felipe e Guilherme Parede, que somam R$ 33,7 milhões de reais, vão ser contabilizadas no balanço de 2020, o que, segundo o time alviverde, poderia minimizar o prejuízo.

“Com esse ingresso de receita, todo o potencial prejuízo que o déficit de 2019 poderia ter causado ao Clube foi minimizado. Todas as obrigações trabalhistas, inclusive premiações pelo acesso, foram integralmente pagas, de modo que não houve ação trabalhista por não pagamento de rescisão de atletas ou funcionários no período“, afirmou o Coritiba.

Para saber tudo sobre o Coritiba, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top