Esportes olímpicos

Daniel Alves se declara à camisa verde e amarela: ‘Uma honra representar meu país’

Daniel Alves honra camisa do Brasil
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Brasil venceu a Alemanha com o placar de 4 a 2, na manhã desta quinta-feira, pelo horário de Brasília e, noite em Yokohana, no Japão. Os gols brasileiros foram de Richarlison (3) e Paulinho. Os descontos alemães foram de Amiri e Ache. Com expectativa de estar representando o país nas Olimpíadas, Daniel Alves disse que é uma honra vestir a camisa verde a amarela:

— É sempre uma grande honra, um grande prazer estar aqui nesse evento tão espetacular, tão especial para todos os grandes atletas de vários países. Poder estar aqui representando o meu país e defendendo essas cores é sempre um privilégio — declarou Daniel Alves.

— Por isso, nós temos que aproveitar, fazer o nosso melhor aqui porque temos uma camisa muito pesada e uma história para defender. Estamos defendendo uma medalha (de ouro, em 2016) muito merecida pelos companheiros que conquistaram. E a gente vem com essa obrigação e com esse sonho de poder defender o Brasil até o último instante — completou o lateral.

Para saber tudo sobre as OLIMPÍADAS, siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Nos dois descontos alemães, Daniel Alves reforçou que a Alemanha é uma grande escola e que não pode bobear, caso contrário, eles também passam por cima e balançam a rede:

— Sobretudo, quando se enfrenta uma escola tão sólida como a Alemanha, muito fria e calculista, temos que ficar muito atentos porque senão podemos ser surpreendidos. Mas, eu acho que nas vitórias também aprendemos lições. E na de hoje, temos que levar essa consciência de que o jogo tem que ser sólido tanto defensivamente quanto ofensivamente porque não podemos facilitar. Os rivais também jogam e também têm jogadores importantes. E o jogo pode complicar em algumas bobeiras — concluiu.

Com esse resultado, o Brasil é líder do grupo D, na frente de Costa do Marfim, Arábia Saudita e Alemanha, respectivamente.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top