São Paulo

Defendendo tabu, São Paulo enfrenta River Plate, no Morumbi

São Paulo
No último confronto no Morumbi, São Paulo saiu vencedor com dois gols de Calleri. Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net
— Continua depois da publicidade —

O São Paulo enfrenta o River Plate nesta quinta-feira (17), pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores, no Morumbi, às 19h. Além de ser um dos maiores clássicos sul-americano, a partida também pode valer a liderança do Grupo D – o time que vencer assume a primeira colocação.

A equipe de Fernando Diniz vai enfrentar um River Plate que não disputa uma partida oficial desde março. Na ocasião, a equipe argentina derrotou o Binacional por 8 a 0, também pela Libertadores.

Enquanto isso, no Campeonato Brasileiro, o São Paulo vem de duas vitórias, dois empates e uma derrota nos últimos cinco jogos. Mas, mesmo com bons números na competição nacional, o Tricolor precisa vencer para continuar dependendo de ‘si próprio’ para classificar para a próxima fase.

A novidade na equipe são-paulina é no ataque. Pablo, que desfalcou o Tricolor nas últimas três partidas, pode aparecer no time titular para o duelo desta noite – o atacante era dúvida, mas voltou a treinar na última segunda-feira (14).

Já a equipe de Marcelo Gallardo não poderá contar com Lucas Pratto, ex-São Paulo e centroavente titular dos Millionarios, e Milton Casco. Pratto está lesionado e Casco com Covid-19. Ainda durante a pandemia, a equipe argentina perdeu Scocco, um dos destaques do River na competição, e Quintero, meio-campo que era titular do time de Gallardo.

TABU

Jogando no Morumbi, o São Paulo ainda não perdeu para nenhuma equipe argentina na história da Libertadores. Foram 11 confrontos: 10 vitórias do Tricolor e apenas um empate. O River visitou o estádio são-paulino duas vezes. Em 2005, quando perdeu na semi-final por 2 a 0, com gols de Danilo e Rogério Ceni, e, em 2016, quando foi derrotado por 2 a 1, com dois gols de Calleri.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

São Paulo: Tiago Volpi, Igor Vinicius, Diego, Léo e Reinaldo; Tchê Tchê, Gabriel Sara, Hernanes e Igor Gomes; Vitor Bueno e Paulinho Boia (Pablo). Técnico: Fernando Diniz

Desfalques: Walce e Rojas (recuperação de lesão); Daniel Alves (recuperação de cirurgia no braço); Luciano (suspenso)

River Plate: Armani, Montiel, Martínez Quarta, Rojas, Angileri; Álvarez, Enzo Pérez, Nacho Fernández, De la Cruz; Borré e Suárez. Técnico: Marcelo Gallardo

Desfalques: Milton Casco (covid-19) e Pratto (recuperando de lesão)

Para saber tudo sobre o SÃO PAULO, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo