Basquete

Fim do tabu: Clippers vencem Jazz e chegam na final do Oeste após 50 anos

Clippers Jazz
Foto: Phillip Kim via Imago Images

O Los Angeles Clippers está na final da Conferência Oeste. Em uma grande série, a equipe da Califórnia bateu o Utah Jazz por 131 a 119, e fechou o confronto em 4 a 2. Depois de estar perdendo por 25 pontos, LA se recuperou no segundo tempo com Terance Mann, substituto de Kawhi Leonard, machucado, para vencer a decisão pela primeira vez na história da franquia.

Com o triunfo, Los Angeles enfrentará o Phoenix Suns, que eliminou o Denver Nuggets por 4 a 0. O primeiro jogo será no domingo, às 16h30 (de Brasília).

Siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

EQUILÍBRIO E CLARKSON

Jazz e Clippers fizeram um primeiro tempo de muito equilíbrio. Diferentemente do jogo 5, Los Angeles teve um ritmo menor, enquanto Utah decidia a vida na temporada. Com os chutes do perímetro, os visitantes foram se mantendo enquanto Nicolas Batum e Terance Mann mantinham os mandantes próximos ao placar.

No entanto, o segundo quarto foi completamente diferente por conta de um nome: Jordan Clarkson. A partir da entrada o sexto homem da temporada, ainda no início da parcial, o Jazz abriu a vantagem com o reserva anotando 17 pontos consecutivos. Driblando, no um contra um, do perímetro, tudo caía quando saia das mãos do ala-armador. Isso fez com que o jogo ficasse muito mais fácil para Utah, que ganhou fôlego e foi para o intervalo vencendo por 72 a 50.

VIRA, VIRA, VIROU

Toda a vantagem do Jazz no segundo quarto virou um grande pesadelo depois do intervalo. Diante de uma atuação avassaladora dos Clippers, a franquia reagiu e foi aos poucos tomando conta completamente do período. Com Terance Mann “endiabrado”, Los Angeles abriu várias sequências grandes de pontos, incluindo um 17-0, que mudou a partida. Enquanto Utah não acertava nenhum arremesso e forçava situações, o time de Ty Lue chegou e reduziu a diferença para três pontos no estouro do relógio.

Nos últimos 12 minutos, a tensão continuou tomando conta do Staples Center. Mas o melhor momento de LA tomou conta do duelo para dominar ainda mais as ações. Mesmo depois de uma temporada absurda, Utah sentiu mentalmente e não suportou a pressão exercida. No início da parcial, Los Angeles virou o placar e não teve problemas para abrir vantagem e se consolidar na liderança. Com o péssimo aproveitamento e os principais jogadores apagados, o Jazz sucumbiu e viu todo o sonho de chegar na final do Oeste ser vaporizada por Mann, Jackson, George e cia.

DESTAQUES DO JOGO

Utah Jazz: Donovan Mitchell (39 pontos, 9 rebotes e 9 assistências) e Royce O’Neale (21 pontos e 10 rebotes);

Los Angeles Clippers: Terance Mann (39 pontos e 2 rebotes) e Paul George (28 pontos, 9 rebotes e 7 assistências);

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top