Automobilismo

Honda anuncia saída da Fórmula 1 ao fim de 2021

Kirill Kudryavtsev - Pool/Getty Images
— Continua depois da publicidade —

A Honda, fabricante japonês que fornece unidades de potência para a Red Bull e AlphaTauri, anunciou nesta sexta-feira a saída da Fórmula 1 ao fim da temporada do ano que vem.

Em comunicado, a Honda explicou a decisão de deixar a categoria. De acordo com a fornecedora, o momento da indústria automobilística é de uma grande transformação que ocorre uma vez em cem anos. Os japoneses ainda alegaram estarem saindo tendo conseguido atingir o objetivo de conquistar vitórias com as escuderias.

Com a saída da Honda, a Fórmula 1 passa a contar com três fornecedores de unidades de potência: Mercedes, Ferrari e Renault. Pela regra, a Renault tem a obrigação de assumir compromisso com a Red Bull já que possuem o menor número de clientes entre as equipes do grid. A menos que consigam convencer a Ferrari ou a Mercedes a fazer isso.

Vale destacar, que até 2018, a RBR fazia uso das unidades de potência fornecidas pela Renault. Atualmente, apenas a McLaren utiliza motores da escuderia francesa. A saída da fornecedora japonesa pode impactar, até mesmo, na permanência do holandês Max Verstappen na equipe. No contrato do piloto, há uma cláusula que permite a saída da RBR ao fim de 2021, caso não ofereçam a ele um motor competitivo.

– Estamos ansiosos para embarcar em uma nova era de inovação, desenvolvimento e sucesso. Como um grupo, agora vamos usar o tempo que nos for concedido para avaliar e encontrar a solução de unidade de energia mais competitiva para 2022 e além – alegou o chefe de equipe da Red Bull, Christian Horner.

Este foi o quarto ciclo da fornecedora japonesa na F1. Entre os anos de 1964 e 1968 estiveram na categoria como fornecedores de motores e chassi, de 1983 a 1992 forneceram motores que levaram às conquistas de Nelson Piquet, Ayrton Senna e Alain Prost. Em 2000, retornaram permanecendo até 2008 com a equipe British American Racing e , agora, se retiram após seis anos na ”Era híbrida” trabalhando com a McLaren, Red Bull e AlphaTauri.

Siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top