Palmeiras

Leila Pereira define sua chapa que disputará a eleição; Veja os nomes

Leila Pereira
Leila Pereira terá em sua chapa duas mulheres Foto: Fabio Menotti/Palmeiras

A candidata à Presidência do Palmeiras, Leila Pereira, já tem definida a chapa que disputará as eleições, em novembro. O registro será feito ainda nesta quarta-feira (22), e conta com apenas um nome do atual quadro de vices. A informação é do GE.globo.

Somente Paulo Buosi, atual vice-presidente, será mantido, e terá a mesma função, caso Leila seja eleita. Os outros nomes são de Maria Tereza Ambrósio Bellangero, Neive Conceição Bulla de Andrade e Tarso Luiz Furtado Gouveia, sendo, respectivamente, segundo, terceiro, e quarto vice-presidentes. A novidade é a presença de duas mulheres.

Maria Tereza é listada no site do clube como diretora do departamento de patinação, Neive é membra efetiva do Conselho de Orientação e Fiscalização (COF) e Tarso é diretor do departamento de Interior.

Atualmente, os vices do Verdão são, além de Buosi, Décio Perin, Alexandre Zanotta e José Eduardo Luz Caliari. Leila é candidata da situação, apoiada pelo presidente Mauricio Galiotte e enfrentará Marcio Giannini, na disputa pela Presidência. Giannini tem o apoio do ex-presidente Mustafá Contursi, que faz oposição a empresária. No momento, porém, ele ainda não confirmou a candidatura.

+Dudu responde sobre sua polêmica substituição na Libertadores; Confira

Leila Pereira é presidente da Crefisa e da FAM-Faculdade das Américas, empresas que patrocinam o Palmeiras desde 2015. Recentemente, o contrato de patrocínio foi renovado por mais três temporadas, ficando válido até dezembro de 2024, período que durará o mandato do próximo presidente. Sua candidatura foi anunciada em 17 de agosto, durante jantar em São Paulo

Serão R$ 81 milhões fixos que o Alviverde receberá anualmente pela exposição das marcas nos uniformes de jogo e de treino das equipes profissional e de base masculinas e da equipe feminina, além de exposição em outras propriedades de marketing.

Ela tem o apoio da maioria dos conselheiros e, por isso, é considerada favorita ao pleito. Foi eleita conselheira pela primeira vez, em 2017, com recorde de votos. Depois, neste ano de 2021, foi reeleita com nova votação recorde. Já Giannini, além de ser conselheiro, foi vice-presidente na gestão de Arnaldo Tirone, entre 2011 e 2012, quando o clube foi rebaixado para à série B e também conquistou a Copa do Brasil. Também chegou a atuar como diretor de futebol na gestão de Mustafá Contursi, na era Parmalat.

Para saber tudo sobre o Palmeiras, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Somente as candidaturas aprovadas por 15% do Conselho Deliberativo – cerca de 42 conselheiros – poderão participar da Assembleia de sócios, que definirá no mês de novembro o novo presidente do Palmeiras.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top