Atlético-MG

Pratto declara torcida para o Galo contra Boca Juniors na Libertadores: ‘Meu coração está no Atlético’

Foto: Bruno Cantini/Atlético

O atacante Lucas Pratto, um dos principais jogadores estrangeiros da história do Atlético-MG, concedeu uma entrevista ao canal TyC Sports, de Buenos Aires, nesta terça-feira (20). O argentino foi questionado sobre para quem irá a sua torcida no duelo do Galo contra o Boca Juniors, pelas oitavas de final da Libertadores.

Lucas Pratto foi revelado pelo Boca Juniors, mas não teve uma passagem de destaque na equipe argentina. O seu maior momento da carreira foi justamente no Atlético, quando foi convocado pela primeira vez para servir a Seleção Argentina, em 2016.

Com passagem nas duas equipes, “El Urso” destacou a preferência pelo Atlético, também pela amizade com o meio-campista Nacho Fernandéz, com quem foi companheiro de time no River Plate.

— Torço pelo Atlético porque joguei lá e tenho um dos meus melhores amigos (Nacho Fernández). Espero que seja um bom jogo. O Boca é difícil, candidato a lutar pela taça. Vai ser bom e difícil para os dois, mas meu coração está com o Mineiro (Atlético).

Em 2017, Lucas Pratto foi negociado pelo Galo ao São Paulo por 6,2 milhões de euros (R$ 23,9 milhões, na época). No entanto, a passagem não foi tão expressiva e o atacante migrou para o River Plate, para ser companheiro de Nacho Fernandez entre 2018 e 2020.

Em janeiro deste ano, migrou para o Feynoord, da Holanda, por empréstimo. No entanto, o jogador quebrou a perna em maio e desde então não tem atuado. Nessa segunda-feira, Pratto assinou a sua rescisão contratual com o River e está sem clube.

Pratto está marcado na história do Atlético. Com 42 gols em 107 partidas, o atacante argentino é detentor do posto de maior artilheiro estrangeiro do clube.

DUELO NA LIBERTADORES

Atlético-MG e Boca Juniors disputam uma vaga nas quartas de final da Copa Libertadores nesta terça-feira (20), às 19h15, no Mineirão. O confronto está em aberto, tendo em vista que o primeiro jogo terminou em 0 a 0, na Argentina.

Para o duelo, parte da torcida do Atlético foi “recepcionar” a delegação do Boca Juniors com fogos de artifício durante a madrugada no hotel Ouro Minas, região nordeste da capital mineira. Além disso, a Galoucura, principal torcida organizada do Atlético, preparou um mosaico por todo o Mineirão para o confronto.

Para saber tudo sobre o Atlético-MG, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top