Esportes olímpicos

Osasco renova com Camila Brait e líbero vai para a 14ª temporada seguida no time paulista: ‘Minha cidade do coração’

camila brait osasco volei
Foto: João Pires/Fotojump

Disputando a Liga das Nações (VNL) em Rimini com a Seleção Brasileira, Camila Brait vai para a 14ª temporada consecutiva em Osasco. Nessa terça-feira (22), o clube paulista anunciou a renovação do vínculo da jogadora de 32 anos. Com a camisa osasquense, a líbero levantou dois títulos da Superliga (2009/10 e 2011/12), nove dos 15 troféus de campeão paulista do time (2007, 2008, 2012, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017 e 2020), quatro sul-americanos (2009, 2010, 2011 e 2012), duas Copa Brasil (2014 e 2018) e o Mundial de Clubes 2012.

Na semifinal da VNL com a seleção na Itália, Brait que se prepara para disputar a primeira Olimpíada da carreira não escondeu a felicidade em permanecer no seu time do coração e almejou novos títulos com a camisa osasquense.

– Osasco é a minha cidade do coração e todo ano sinto uma alegria especial ao renovar meu contrato. Me sinto completamente em casa, especialmente no ginásio José Liberatti. Não vejo a hora dessa pandemia acabar e poder reencontrar com a torcida e levar a Alice, minha filha, nos treinos e jogos. Quero agradecer à prefeitura, aos nossos patrocinadores e ao Luizomar pela oportunidade de mais uma temporada e pela montagem da nova equipe que, tenho certeza, vem forte para lutar por títulos – afirma.

+Sem Leal e Lucarelli, Brasil atropela a Alemanha e vence a décima seguida na Liga das Nações

Eleita melhor da sua posição na última Superliga, Brait é o quarto nome confirmado pela equipe da Grande São Paulo para a temporada 2021/22. A primeira renovação foi da oposta Tandara, seguida pela central Camila Paracatu e da também oposta Karine Schossler. As quatro participaram do título do Campeonato Paulista e da campanha que resultou no troféu de terceiro lugar na Superliga. Para os próximos dias, a diretoria do clube promete anunciar mais atletas contratadas.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram

Técnico de Osasco desde que Brait chegou ao clube pentacampeão brasileiro, Luizomar não poupou elogios para a líbero da Seleção Brasileira e também mirou a conquista de novos títulos.

– Quando a Brait chegou a Osasco, ela era uma menina. O tempo passou, ela se casou, se tornou mamãe e é uma alegria fazer parte da história dela dentro e fora da quadra. Ela é uma jogadora fora de série, domina o fundo de quadra e vai nos ajudar, como sempre, a lutar por títulos em uma temporada – disse o treinador.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top