Futebol Internacional

Qatar supera a Jordânia e conquista o bicampeonato da Copa da Ásia

Qatar venceu e garantiu o título (Foto: Lintao Zhang/Getty Images)

O atacante Afif, em três cobranças de pênaltis, marcou os três gols do time da casa.

Foto: Lintao Zhang/Getty Images

Pela decisão da Copa da Ásia, o Qatar, anfitrião do torneio, enfrentou a Jordânia no Lusail Stadium, palco da final da Copa do Mundo de 2022. Em um jogo bastante disputado, mas em que o Qatar esteve em vantagem na maior parte do tempo, a equipe da casa venceu por 3 a 1 e ficou com o título. Afif marcou três vezes, enquanto Al-Naimat descontou.

                 

Empurrado pela torcida e com um elenco melhor, o Qatar tomou a iniciativa desde os primeiros minutos, principalmente acionando Almoez Ali no comando de ataque. A Jordânia, por sua vez, pouco conseguia criar jogadas, que na maioria das vezes passava pelos pés de Al Tamari.

Siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitter, e Facebook

Aos 19 minutos de jogo, Afif foi lançado pelo setor esquerdo, invadiu a área, mas foi derrubado por Abdallah Mousa e a arbitragem marcou pênalti. O próprio Afif bateu de perna direita e mandou no canto direito do goleiro Abu Laila, que foi na bola e não alcançou: Qatar 1 a 0.

Com a vantagem no placar, o Qatar seguia em cima da seleção da Jordânia em busca do seu segundo gol no jogo. No entanto, o marcador não se alterou mais na primeira etapa e a Jordânia pouco teve oportunidades para marcar.

Na volta para o segundo tempo, as equipes voltaram sem alterações e o panorama do jogo também pouco se alterou. O Qatar seguia melhor e em vantagem dentro da partida. No entanto, a seleção da Jordânia vinha conseguindo encontrar seus espaços.

O empate veio aos 22 minutos. Depois de jogada pela direita de ataque, a bola foi cruzada na área para Al Naimat. O atacante dominou com a perna direita, ajeitou o corpo e bateu forte de perna esquerda no cantinho para garantir a igualdade no placar: 1 a 1.

Não demorou muito e, seis minutos depois, o Qatar voltou a ficar em vantagem. Após nova penalidade, Afif novamente foi para a cobrança, mandou no canto direito do goleiro e garantiu o segundo gol: Qatar 2 a 1. Já nos acréscimos, Afif marcou mais uma vez de pênalti e fechou o placar para o time da casa: 3 a 1.

Com a vitória, o Qatar conquistou a Copa da Ásia pela segunda vez, sendo também a segunda de maneira consecutiva. A Jordânia segue sem títulos da competição. O maior vencedor é o Japão, que já venceu a Copa da Ásia em quatro oportunidades.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo