Campeonato Paulista

Santos vence o clássico, praticamente se classifica e afunda o rival

(Foto: Divulgação/Santos FC)

O Santos vence o clássico na Vila e dispara na liderança, Neymar esteve presente torcendo pelo clube nos camarotes

(Foto: Divulgação/Santos FC)

Com a presença ilustre de Neymar no camarote o Peixe venceu o Corinthians esta noite (07) na Vila Belmiro pelo placar de 1 a 0 com gol de João Schmidt, o jogo foi válido pela 6º rodada do Campeonato Paulista. Com o resultado o Santos chega a 15 pontos e dispara na liderança do grupo A.

                 

AGENDA

O Santos viaja para o interior paulista neste domingo de carnaval (11) para enfrentar o Mirassol pela 7º rodada do campeonato. A princípio a partida está marcada para as 18:00 H (Brasília).

PRIMEIRO TEMPO

O jogo já começa com clima de clássico, Maycon e Gil se trombam e na confusão Joaquim (Santos) e Pedro Raúl (Corinthians) levam cartão amarelo.

Dez minutos iniciais e o Santos é melhor, Otero e Cazares mostram uma ofensividade que anima a torcida. Aos 16 minutos escanteio para o Peixe e William Bigode cabeceia perto do gol de Cássio, pressão santista em mais uma jogada perigosa.

Vinte minutos e o Corinthians não se acha, não consegue trocar três passes seguidos.

GOL, aos 22 ,minutos escanteio para o Santos, Otero bate e João Schmidt sobe mais alto e abre o placar na Vila, festa santista, Santos na frente. Logo após o gol Cazares sente o tornozelo e é substituído, em seu lugar Nonato.

Aos 29 falta perigosa para o Santos, cabeceio de Wilian Bigode e a bola tira tinta da trave.

Aos 32 Fagner leva amarelo após chegada forte em Nonato que sairia em contra-ataque.

Corinthians sobe a marcação, equilibra um pouco o jogo mas sem triangulações o time se mostra sem criatividade, apenas Garro e Wesley se destacam pelo lado corintiano.

Aos 41 Guilherme manda uma pancada e Cássio defende, Santos joga como gente grande. Fim da 1º etapa, Santos 1 a 0.

SEGUNDO TEMPO

Santos volta com o mesmo ritmo, quase marca aos seis minutos com Willian Bigode numa jogada em que Aderlan acaba “ajudando” o goleiro Cássio. Com oito minutos Pituca leva cartão amarelo após falta no estreante Rodrigo Garro. Na cobrança bola fácil nas mãos do goleiro João Paulo.

Aos 11 minutos mudança no Corinthians; saem Wesley e Romero, entram Gustavo Mosquito e Yuri Alberto. As mudanças surtem efeito e o time visitante começa a gostar do jogo.

O Santos também mexe, saem Otero e Willian Bigode, entram Pedrinho e Morelos.

Corinthians vem crescendo e tem posse de bola melhor neste 2º tempo. Aos 26 sai Pedro Raúl e entra Matias Rojas.

Aos 27 Aderlan manda uma bola na trave, quase marca um golaço na trave. Santos tem uma melhora na partida. Três minutos depois mais uma alteração no Corinthians saem Hugo e Raniele, entram Ryan e Fauto Vera. Carille também mexe colocando Marcelinho e Rincón e tirando Guilherme e Pituca.

Santos recua demais apostando na ligação direta e deixa a torcida impaciente.

Com jogo parando em várias faltas o árbitro marca seis minutos de acréscimo. Santos fica todo no campo defesa e aos 47 falta perigosíssima para o Corinthians, tensão na Vila.

Matias Rojas bate e João Paulo faz uma defesa espetacular. Baita sufoco que o time da Vila passa por abdicar de atacar na 2º etapa.

Fim de jogo, vitória do Santos por 1 a 0.

Para saber tudo sobre o Santos siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo