Seleção Brasileira

Tite faz elogios aos treinadores europeus e relembra período sabático

Foto: MAURO PIMENTEL/AFP via Getty Images

Em entrevista realizada para o site da “FIFA” o comandante da Seleção Brasileira relembrou o período sabático quando saiu do Corinthians em 2013 e foi estudar na Europa e também fez elogios aos treinadores do continente, principalmente ao Carlo Ancelotti com quem foi falar pessoalmente quando o italiano dirigia o Real Madrid e afirmou que o treinador trouxe a ele suas melhores referências

– A forma como Simeone organiza suas equipes é notável. Guardiola, suas táticas ofensivas e a capacidade de dividir as equipes são realmente impressionantes. (Carlos) Bianchi tem uma capacidade incrível de tirar o melhor proveito de seus jogadores em grandes finais. Algumas das ideias táticas de (Johan) Cruyff eram fantásticas. Mas, sem dúvida, o que mais aprendi foi com Ancelotti. Ele vê o jogo de uma forma diferente e única. Sempre estudei futebol e quis ampliar meus conhecimentos, minhas ideias. Quando saí do Corinthians, foi a oportunidade perfeita para estudar em primeira mão outros treinadores e times. Eu ganhei tudo que pude em nível de clube. Achei que o próximo passo seria a seleção e queria me aprimorar como técnico da melhor maneira possível. Fui me encontrar com Bianchi e ouvir suas ideias, que eram muito perspicazes. Passei um tempo no Arsenal. Passei um tempo com Ancelotti no Real Madrid. Estudei o Manchester City, o campeão inglês, o Bayern de Munique, o campeão alemão. Procurei aprender tudo – os bastidores, o treinamento, as táticas e o que acontece em campo. Tudo. Esse período foi muito importante para minha carreira – falou Tite na entrevista.

A Seleção Brasileira retorna a campo neste mês de marco quando enfrentará Colômbia fora de casa e a Argentina em casa. Os jogos serão nos dias 26 e 30, respectivamente.

CBF abre mão de amistosos sub-21 criado pela Conmebol

Para saber mais sobre Seleção Brasileira, siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitterFacebook e no Youtube.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top