Corinthians

Torcidas organizadas do Corinthians publicam texto exigindo saída de diretores, e pedem treino aberto

Torcidas do Corinthians publicaram carta aberta. Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians.

Duas das principais torcidas organizadas do Corinthians se manifestaram pelas redes sociais na manhã desta sexta-feira (10) em tom de crítica à diretoria do clube. A Gaviões da Fiel e a Camisa 12 publicaram textos a respeito de episódios polêmicos recentes.

                 

Na carta aberta publicada pela Camisa 12, a organizada pediu que o meia Luan tenha o contrato rescindido, e comparou a situação do jogador com o que aconteceu com Jô, que deixou o Corinthians após atos de indisciplina.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

No mesmo texto, criticou os diretores Roberto de Andrade e Alessandro Nunes pela troca de técnicos no começo da temporada, mas poupou o presidente Duilio Monteiro Alves. Além disso, também disparou contra os preços cobrados nos ingressos.

Por fim, ainda lembrou da importância dos jogos que o Corinthians terá pela Libertadores e pela Copa do Brasil, e pediu um treino aberto à torcida às vésperas dessas partidas, que acontecerão entre o fim de junho e começo de julho.

Assim como a Camisa 12, a Gaviões da Fiel também apontou críticas à dupla de dirigentes do Corinthians pela falta de comunicação com os torcedores e pela blindagem aos jogadores que consideram ter cometido atos de indisciplina.

A organizada terminou o texto pedindo a saída de Alessandro e Roberto de Andrade, e a  contratação de novos profissionais para os cargos de diretor e gerente de futebol do clube.

+ Resultados da rodada fazem Corinthians cair para segundo no Campeonato Brasileiro

+ Jô encerra terceira passagem marcada por poucos gols e polêmicas fora de campo

Confira as publicações das duas organizadas:

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo