Lutas

UFC Vegas 50: Ankalaev supera Thiago Marreta e vence brasileiro

Divulgação/Twitter Oficial UFC

O UFC voltou a realizar um de seus eventos na cidade de Las Vegas neste sábado (12). A luta principal da noite teve brasileiro envolvido, Thiago Marreta, que encarou o russo Magomed Ankalaev para tentar seguir a boa fase.

Mas, apesar de alguns bons momentos, o brasileiro sofreu diante de rival que constantemente ia para cima e pressionava bem. Com isso, Ankalaev saiu com a vitória, a sua oitava consecutiva dentro do Ultimate, e Marreta não conseguiu prolongar sua sequência positva.

A luta

O main event do UFC Vegas 50 começou estudado e com pouca movimentação ofensiva de ambos os lados. Apenas na parte final do primeiro round é que alguma trocação aconteceu, com Ankalaev conseguindo levar vantagem sobre Marreta.

LEIA TAMBÉM

+ Eagle FC: Kevin Lee vence e lesiona o joelho em duelo de ex-UFC

No segundo tempo, a luta já era um pouco mais aberta. O russo conseguia exercer melhor domínio dos golpes e foi para encurralar o brasileiro, que já conseguia uma resposta melhor e deixando a luta bem mais agita. E Marreta quase teve a chance do fechar a luta nos segundos finais, quando o adversário perdeu o equilíbrio e, por pouco, não capitalizou antes do gongo.

Os chutes foram os golpes mais marcantes do terceiro round, em que ambos buscaram se movimentar melhor e o brasileiro conseguiu mais sucesso, embora não o suficiente para pegar de jeito o russo. No quarto round, Thiago Marreta tentou ir para cima, com Ankalaev tentando encurralar, mas sem sucesso. O duelo se mostrava bastante disputado, mas ainda sem lances de perigo total.

No final do quarto round, o russo conseguiu quedar o brasileiro e foi para nova tentava de clinche no quinto, esta defendida pelo ex-desafiante ao cinturão meio-pesado, que levou várias joelhadas e ficou contra a grade. Assim, Magomed Ankalaev conseguiu guiar a luta a seu favor e conseguir a vitória.

Marlon Moraes sofre novo nocaute; Alex Poatan vence luta disputada

No card principal do UFC Vegas 50, Marlon Moraes encarou Song Yadong pra tentar encerrar uma série de três derrotas por nocaute seguidas. E foi o chinês a começar a luta na intensidade, abusando da trocação para poder pressionar Marlon.

O brasileiro até teve sua chance de equilibrar as coisas, mas uma direita certeira de Yadong ainda no primeiro round foi o suficiente para nocautear o ‘Magic’ na hora. Assim, chegou ao terceiro triunfo consecutivo no Ultimate e deu a Marlon sua quarta derrota seguida.

Abrindo a parte principal do evento, Alex Poatan e Bruno Blindado fizeram luta brasileira. Diante do ex-campeão do Glory no kickboxing, Blindado aguentou bem a força dos socos do rival durante toda a luta. Poatan não poupou um segundo sequer o compatriota da potência de seus golpes.

Mesmo tendo quase nocauteado o rival, Poatan fez o suficiente para novamente mostrar que a força dos socos é para valer diante de um Bruno Blindado que foi raçudo, resistiu até o fim e viu o rival de Israel Adesanya no Glory vencer na decisão dos juízes.

Resultados UFC Vegas 50 – Ankalaev x Marreta

Card principal

Magomed Ankalaev venceu Thiago Marreta por decisão unânime dos juízes

Song Yadong venceu Marlon Moraes por nocaute (2:06 do R1)

Sodiq Yusuf venceu Alex Caceres por decisão unânime dos juízes

Khalil Rountree venceu Karl Roberson por nocaute técnico (0:25 do R2)

Drew Dober venceu Terence McKinney por nocaute técnico (3:17 do R1)

Alex Poatan venceu Bruno Blindado por decisão unânime dos juízes

Card preliminar

Matt Semelsberger venceu A.J. Fletcher por decisão unânime dos juízes

J.J. Aldrich vencey Gillian Robertson por decisão unânime dos juízes

Javid Basharat venceu Trevin Jones por decisão unânime dos juízes

Damon Jackson venceu Kamuela Kirk por finalização (4:42 do R2)

Miranda Maverick venceu Sabina Mazo por finalização (2:15 do R2)

Cody Brundage venceu Dalcha Lungiambula por finalização (3:41 do R1)

Guido Cannetti venceu Kris Moutinho por nocaute técnico (2:07 do R1)

Azamat Murzakanov venceu Tafon Nchukwi por nocaute (0:44 do R3)

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top