Lutas

Amanda Lemos vê luta contra Bate-Estaca como ‘grande oportunidade’ no UFC

Divulgação/Instagram Oficial UFC

Neste sábado (23), Amanda Lemos fará a luta principal do evento do UFC deste final de semana contra Jéssica Bate-Estaca. Um duelo de brasileiras que pode dar à vencedora a manutenção do sonho de lutar em breve pelo cinturão dos palhas.

                 

Em entrevista ao Combate, Amanda comemorou a grande chance que terá para mostrar seu desempenho no octógono neste sábado. Principalmente por se tratar de encarar uma ex-campeã da categoria num main event do Ultimate e toda a repercussão que uma vitória pode lhe trazer.

– Só tive a ganhar com essa oportunidade de poder lutar com a Jéssica, que é uma ex-campeã, e fazer a luta principal. Na minha última luta, falei com meus treinadores que meu nome estaria no poster. Isto é um sonho. Estou muito feliz com essa oportunidade que tive, de lutar com a Jéssica, que tem um grande nome e já está há um bom tempo na organização. Lutou contra outros grandes nomes e estou feliz em poder lutar com ela – afirmou a brasileira.

LEIA TAMBÉM

+ Jéssica Bate-Estaca comemora nove anos no UFC e diz ‘querer ficar mais dez’

– Eu já via lutas da Jéssica, acompanhava, e agora vou lutar com ela. Vai ser muito bom. A Jéssica é uma lutadora que é agressiva e eu também sou. Então, a gente tem tudo para entregar uma boa luta para o público – completou Amanda.

Para chegar a ser a rival da ex-campeã, Amanda Lemos vem qualificada por cinco vitórias seguidas desde sua estreia com derrota para Leslie Smith. A brasileira está em décimo no ranking dos palhas e ainda há mais aperitivos para o combate contra Bate-Estaca por ver numa possível vitória a chance de ficar perto da tão desejada luta pelo cinturão.

– Uma vitória sobre a Jéssica vai ser muito importante para minha carreira, tanto para o ranking quanto para me deixar perto do cinturão. Quem sabe como essa luta vai se desenrolar, mas se eu ganhar, quem sabe eu não lute pelo cinturão – comentou.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo