Athletico

Com um a mais desde o primeiro tempo, Athletico vira sobre o Juventude e se aproxima do G-6

José Tramontin/Athletico

Na noite deste sábado (18), o Athletico venceu o Juventude pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. A partida, na Arena da Baixada, terminou com placar de 2 a 1. O Papo saiu na frente com Ricardo Bueno, de pênalti, mas o Furacão conseguiu a virada com Bissoli, também em cobrança penal, e Renato Kayzer. No primeiro tempo, Rafael Forster foi expulso no time gaúcho.

Com este resultado o Athletico salta para 27 e sobe para a 8ª posição, ficando apenas dois pontos do objetivo, que é de conquistar uma posição na próxima edição da Libertadores da América. O primeiro time dentro desta zona é o Corinthians com 29 pontos. Além disso abre vantagem sobre a zona do rebaixamento, já que havia se aproximado perigosamente nas últimas rodadas.

O Juventude, por sua vez, a derrota fica na 14ª posição, com 23 pontos, e permanece com a ameaça da zona do rebaixamento, ficando apenas dois pontos de diferença do primeiro time dentro do Z-4. Em busca do número mágico de 45 pontos, faltam 22 para garantir a permanência na primeira divisão.

Para saber tudo sobre o Campeonato Brasileiro, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Primeiro tempo de expulsão

O primeiro tempo foi de domínio do Athletico, mas com marcação forte do Juventude na saída de bola do Furacão. O time paranaense criava mais nos contra-ataques, explorando os espaços deixados pela equipe da serra gaúcha, especialmente depois da expulsão de Rafael Forster aos 22 minutos. O zagueiro recebeu o vermelho após entrada com a sola da chuteira no tornozelo de Nikão, fazendo com que o sistema de marcação do Papo ficasse comprometido. O Athletico teve, no primeiro tempo, como melhor oportunidade uma cabeçada de Bissoli, que Douglas, goleiro do Juventude, defendeu e mandou para escanteio.

Segundo tempo de gols e pênaltis

No segundo tempo, contando com o fator casa, o Athletico pressionou a saída de bola do Juventude, invertendo a pressão. Porém, Marcinho cometeu falta dentro da área, e a arbitragem assinalou pênalti para o time visitante, convertido por Ricardo Bueno. Necessitado do resultado, o Furacão se lançou ao ataque e, aos 22 minutos, foi o Athletico quem sofreu pênalti. Guilherme Bissoli cobrou e empatou a partida. Com as substituições em andamento, Renato Kayzer entrou no lugar de Christian em busca do gol da vitória e, em um cruzamento pela esquerda aos 31 minutos, o atacante camisa 79 virou a partida dando números finais ao jogo na Arena da Baixada.

Sequência das equipes

O Athletico vai agora para Montevidéu, Uruguai enfrentar o Peñarol, pela semifinal da Copa Sul-Americana, nesta quinta-feira (23) às 21h30. Já o Juventude volta a campo apenas no próximo domingo (26), quando recebe o Santos pelo Brasileirão.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL
Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top