Campeonato Paulista

Red Bull Bragantino joga melhor mas para em Cássio e empata sem gols com o Corinthians

Ari Ferreira / Red Bull Bragantino

Na estreia de Red Bull Bragantino e Corinthians no Campeonato Paulista, quem acabou sendo o destaque foi o goleiro Cássio. Em uma tarde inspirada do arqueiro e ruim da equipe, o Alvinegro ficou no empate por 0 a 0 com o Massa Bruta, no Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O jogo foi de mais intensidade do que qualidade técnica, com o fator físico sendo preponderante para a falta de gols na partida. O empate foi justo pelo que os times apresentaram. Porém, se alguém merecia balançar a rede, era o Red Bull. A equipe teve pelo menos três boas chances, mas esbarrou em Cássio numa boa tarde que manteve o zero no placar.

No próximo jogo, o Bragantino enfrenta o São Caetano fora de casa, na quarta-feira (3 de março), às 19h, enquanto o Corinthians joga o Dérbi Paulista contra o Palmeiras, na Neo Química Arena, no mesmo dia e horário.

O JOGO

O primeiro tempo começou com domínio do time da casa, que conseguiu finalizações perigosas, mas não teve precisão para vazar Cássio. Ao longo dos minutos, o Corinthians foi ganhando disputas e subiu a marcação para atrapalhar a saída do Braga. O Timão conseguiu finalizações, mas acertou o alvo poucas vezes e mal deu trabalho para Cleiton. A partir dos 30 minutos, o cansaço de uma temporada emendada na outra começou a bater e o ritmo diminuiu. O Bragantino voltou a finalizar, mas não foi o suficiente para abrir o placar.

A segunda etapa decaiu física e tecnicamente, com muitos passes errados e mais divididas duras do que lances de efeito. Enquanto o Bragantino teve chegadas sem muito perigo, o Corinthians mal colocou o goleiro Cleiton para trabalhar. Vagner Mancini e Maurício Barbieri fizeram alterações que não surtiram muito efeito. O Braga marcou no final, com Léo Ortiz, mas o capitão estava em posição de impedimento.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL

Para saber tudo sobre o Campeonato Paulista, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook!

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top