Outro lado

Bolsonaro afirma que buscará retorno de Robson, ex-motorista do jogador Fernando, ao Brasil

Foto: Reprodução
— Continua depois da publicidade —

Um ano, seis meses. Esse é o tempo exato que Robson Oliveira está preso em uma penitenciária em Kachira na Rússia. O motorista brasileiro é acusado de tráfico internacional de drogas por ter entrado no país em fevereiro de 2019, com duas caixas de remédios que possuem cloridrato de metadona, substância proibida em território russo. Os remédios foram encomendados e comprados pela família do jogador de futebol Fernando, volante, ex-seleção brasileira e atualmente no Beijing Guoan, da China.

Nesta terça-feira, o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, em comunicado pelo Facebook, ressaltou que “buscará, diplomaticamente, o retorno de Robson ao Brasil”. Ainda no comunicado, diz que será “orientado pelo Ministro Ernesto Araújo para um possível contato com Presidente Vladimir Putin”.

Porém, existe uma curiosidade no texto publicado por Bolsonaro. O caso do motorista Robson foi informado pelo atleta Felipe Melo, do Palmeiras. O jogador já demonstrou apoio ao presidente diversas vezes em campo ou fora dele.

Recentemente, vários jogadores demonstraram apoio a Robson e pediram Justiça. O atacante Richarlison, do Everton e da Seleção Brasileira, liderou a campanha. Com o caso, Robson pode pegar 20 anos de prisão. A família e o jogador Fernando, hoje no Beijing Guoan, da China, pouco se pronunciam sobre o caso e não buscam uma solução.

COMUNICADO DE BOLSONARO NA ÍNTEGRA

– ROBSON NA RÚSSIA:

– O caso do motorista Robson Oliveira (trazido a mim via Felipe Melo/Palmeiras), ora preso na Rússia, é complexo, mas não impossível de ser solucionado.

– O mesmo foi preso em março de 2019 com posse de substância considerada droga naquele país, mesmo sendo remédio de uso permitido no Brasil.

– O medicamento era para o sogro do jogador Fernando, com o qual ele trabalhava, defensor do Spartak de Moscou, hoje no Beijing Guoan, da China.

– Nossa embaixada nos informou que Robson poderá ser condenado a 20 anos. A juíza do caso acaba de se aposentar e, dessa forma, o processo voltou à estaca zero.

– A justiça russa é bastante rígida e independente, mas um perdão do Governo local será buscado por nós.

– Hoje serei orientado pelo Ministro Ernesto Araújo para um possível contato com Presidente Vladimir Putin.

– Entramos no caso e o Brasil buscará, diplomaticamente, o retorno de Robson ao Brasil.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top