Futebol

Bruna Benites comemora partida artilheira contra Russia: ‘Estou muito feliz por ter ajudado’

Bruna Benites Brasil
Fotos: Richard Callis/SPP/CBF

A vitória do Brasil sobre a Rússia por 3 a 0, na última sexta-feira, teve um fato pouco comum. Dois dos três tentos anotados foram marcados por Bruna Benites, zagueira titular da seleção feminina. A excelente atuação no ataque foi surpreendente até para a defensora que reconheceu a “noite especial” na Espanha.

                 

— Nós treinamos bastante ontem e no treinamento os gols também entraram. O mérito é das meninas que estão batendo, elas têm uma precisão muito grande. A gente só tem a facilidade de empurrar a bola para o gol. Hoje foi uma noite especial para mim. Não é comum uma zagueira fazer dois gols, mas estou muito feliz por ter ajudado a equipe — afirmou Bruna Benites.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

No jogo contra as russas, o Brasil insistiu muito na bola área. Após o duelo e com dois gols anotados dessa mesma maneira, a zagueira revelou que o time optou pelas jogadas devido a dificuldade do jogo. Sem conseguir criar pelo chão, os cruzamentos e cobranças de bolas paradas foram cruciais para o triunfo brasileiro.

— A gente sabe da importância da bola parada, principalmente quando o jogo está difícil. Era um momento delicado do jogo, a gente estava com volume, estava pressionando, mas elas estavam fechadinhas ali atrás. A gente estava conseguindo criar, tanto é que saíram chances de escanteios. Fui feliz de conseguir fazer os dois gols. É mais um passo dado nesse processo de evolução que a gente está tendo, principalmente para a gente ganhar mais confiança para chegar nas Olimpíadas bem — finalizou Bruna.

Além dos dois gols de Bruna Benites, Andressa Alves completou o triunfo tupiniquim. A atacante saiu do banco de reservas no segundo tempo e conseguiu dar um novo ar para o time de Pia Sundhage para completar o triunfo. A jogadora fez questão de enfatizar a oportunidade recebida principalmente devido a proximidade das Olimpíadas.

Brasil Andressa Alves
Fotos: Richard Callis/SPP/CBF

— É importante. Qualquer minuto que a Pia te dá, você tem que jogar e dar o seu melhor, porque é a última chance, todo mundo quer estar nas Olimpíadas, eu quero estar. Quaisquer dez minutos que eu tiver, eu vou dar o meu melhor porque eu quero estar lá — disse Andressa Alves.

O elenco é um ponto forte do Brasil. Para Andressa Alves, o time selecionável tem ganhado cada vez mais corpo, apresentado uma boa evolução e pronto, não importando quem entre em campo.

— Estou feliz de entrar e poder ajudar o time. O time não é só 11, todo mundo que está no banco tem muita qualidade, quando entra faz a diferença e isso é o mais importante. Quando entra, representar bem — afirmou.

O Brasil volta a entrar em campo na próxima segunda-feira, às 16h, contra o Canadá. O duelo encerra a série de amistosos antes das Olimpíadas e o time feminino se reúne para treinamentos visando a estreia no dia 21, contra a China.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo