Esportes olímpicos

Internautas realizam campanha para ajudar Darlan Romani na busca do ouro em Paris 2024

Internautas realizam campanha para ajudar Darlan Romani na busca do ouro em Paris 2024
Rodolfo Vilela/rededoesporte.gov.br

Os Jogos Olímpicos de Tóquio chegaram ao fim neste domingo, 8, mas agora inicia um novo ciclo olímpico rumo à Paris 2024.  Nas últimas semanas, após a quarta colocação de Darlan Romani, nos Jogos Olímpicos de Tóquio, viralizou na internet os treinos do atleta em um terreno baldio na preparação para o torneio do Japão. A imagem viralizou na internet e contou com o apoio de milhares de usuários que iniciaram a campanha para que o atleta fosse patrocinado e pudesse treinar com tranquilidade para o torneio da França.

SIGA AO VIVO TUDO DAS OLIMPÍADAS AQUI NO ESPORTE NEWS MUNDO!

Para chegar até a decisão olímpica, Darlan passou por diversas adversidades. Precisou improvisar o treino, passou precisou passar por uma cirurgia de hérnia de disco e ficou seis semanas internado. Em maio deste ano, foi contaminado pelo vírus da COVID-19, ficou debilitado e precisou ficar mais uns meses sem treinar.

Além disso, a pandemia também trouxe outro problema na preparação olímpica, de Darlan.  O seu treinador cubano Justo Navarro, que perdeu a esposa, e precisou viajou a Cuba no fim de 2020. Porém, devido às restrições devido ao aumento de número de casos de COVID-19, no Brasil o treinador não conseguiu retornar ao país, e não conseguiu uma comunicação em tempo real para auxiliar o atleta nos treinos.

A campanha que está há dois dias no ar e já ultrapassou a marca de 150 mil reais. O Link da campanha do portal Voaa está na Bio do atleta das redes sociais, e tem como objetivo prestar todo suporte financeiro ao atleta do arremesso de peso nesse novo ciclo rumo à Paris 2024.

Internautas realizam campanha para ajudar Darlan Romani na busca do ouro em Paris 2024

+Cerimônia de encerramento das Olimpíadas de Tóquio 2020 finalizam um ciclo com passagem de bastão para Paris 2024

Realidade dos atletas brasileiros dos Jogos Olímpicos

A delegação brasileira competiu nos Jogos Olímpicos de Tóquio com 309 atletas. Deste número 131 entraram para a competição sem patrocínio algum. Enquanto 36 realizam permutas, 41 tiveram ajuda através de campanhas de arrecadação de dinheiro e 33 conciliam o esporte com empregos fixos.

Do total de atletas do Time Brasil nos Jogos do Japão, 78 competidores recebem incentivo do governo do programa Bolsa Atleta, que tem faixas de pagamento que vão de R$ 925 (Nacional) até R$ 5 a 15 mil (Bolsa Pódio).

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top