Atlético-GO

Com reservas em campo, Marcelo Cabo valoriza a atuação do Atlético-GO diante do Goiás: “A gente não tem um time, a gente tem um elenco”

Foto: Heber Gomes/Atlético-GO

O técnico do Atlético-GO, Marcelo Cabo, concedeu entrevista coletiva após a vitória diante do Goiás, na última quarta-feira (13), pelo Campeonato Goiano de 2020. Com um time misto dentro de campo, muitos reservas tiveram a chance de iniciar a partida e agradaram o treinador:

– A volta do Maranhão (Willian) iniciando o jogo, o Nicolas, o Gilvan… é muito importante. A gente não tem time, a gente tem um elenco e o campeonato estadual vai servir muito para isso, para deixar todos em igualdade e condição para quando eu precisar, usar dentro da competições.

Um dos mais elogiados pelo treinador foi o jovem atacante Vitor Leque, de 19 anos. Com Zé Roberto no banco e Roberson lesionado, Leque jogou como centro avante improvisado no clássico e chamou a atenção da comissão técnica:

– Gostei muito da estreia do Vitinho (Vitor Leque), ele jogou improvisado e deu um alento muito grande, que pode nos ajudar dentro da competição. Ele jogou mais centralizado hoje, fora da posição dele, mas  pode ser uma alternativa que eu vá usar ali, caso eu não possa contar com Roberson, talvez o Zé (Roberto), eu possa contar ainda de camisa 9.

Cabo destacou muitas qualidades do atacante, mas reconhece que, pela pouca idade, é preciso ter calma para lançar o jogador:

– Eu venho conversando com ele no dia a dia, eu venho trabalhando ele no dia a dia, é um jogador que hoje, a gente só tem o Janderson com essa característica. É um jogador de força, de velocidade, um extremo de muita imposição de força. Mas é um jovem, a gente tem que lançar ele com muita sabedoria, muito cuidado, é um jogador que tá crescendo dentro do grupo.

Com a volta do Goianão na reta final Brasileirão, o comandante Rubro Negro terá de se organizar para que não haja desgaste em seus jogadores, mas reconhece a importância do estadual para o crescimento do elenco:

– Assim vai ser o Atlético dentro das competições, sempre indo com o que tiver de melhor para que a gente possa, assim, valorizar uma competição que eu respeito muito, que é o estadual. E retomar o estadual como uma vitória diante de um clássico e fora de casa, foi muito importante, haja vista todo o ingrediente circulou esse clássico. 

O Atlético-GO é o líder do Campeonato Goiano, já está classificado para as quartas de final e só volta a jogar pelo estadual em duas semanas, no dia 27/01, contra o CRAC, na última rodada da fase classificatória. Pelo Brasileiro, o Dragão enfrenta o Atlético-MG pela 30ª rodada, neste domingo (10), no Mineirão. O time goiano segue na disputa por uma vaga na zona de classificação para a Copa Sulamericana e está na 12ª posição, com 36 pontos.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top