Geral

Diede de Groot e Dylan Alcott levam o US Open e de quebra conquistam o Golden Slam

Andrew Ong/USTA

A temporada de 2021 foi especial para o tênis de cadeira de rodas. Pela primeira vez na história da modalidade, um homem e uma mulher na categoria simples conquistaram o tão sonhado Golden Slam (os títulos nos quatro Majors e o ouro olímpico). A neerlandesa Diede de Groot foi a primeira a chegar a esse impressionante feito, ela bateu na final do US Open a japonesa Kamiji Yuri. Na sequência, o australiano Dylan Alcott seguiu o mesmo caminho ao vencer Niels Vink na decisão da classe Quad.

Com o título, os dois fecharam o calendário com muito estilo conquistando o Australian Open, Roland Garros, Wimbledon, US Open e o ouro nas Paraolímpiadas de Tóquio 2020. Agora de Groot soma no currículo 12 conquistas de Grand Slam de simples enquanto Alcott tem 15.

De Groot venceu neste último domingo (12) Yuri por 2 sets a 0, com parciais de 6-3 e 6-2 na reedição da final olímpica. Esse foi seu quinto título nos últimos seis Slams disputados, ela apenas não levantou o título no aberto francês.

“Ser a primeira a realmente alcançar esse feito é tão especial. Acho que nunca vou esquecer isso”, disse a jogadora a jornalistas.

Ela também saiu de Nova York com o título de duplas, ao lado com a sua compatriota Aniek Van Koot que bateram na final Kamiji Yuri novamente com a britânica Jordanne Whiley também por 2 sets a 0, 6-1 e 6-2.

Na chave masculina, Alcott passou pelo jovem holandês de apenas 18 anos Nield Vink também por 2 sets a zero, em parciais de 7-5 e 6-2. Ele chegou ao seu terceiro título em Flushing Meadows, os outros foram em 2015 e 2018.

“Vou ser franco, não sei se voltarei aqui, então agradeço muito por tudo”, afirmou Alcott. “Obrigado por fazer um jovem gordo e deficiente, com um corte de cabelo muito ruim, realizar seus sonhos, porque não posso acreditar que acabei de fazer isso”.

No torneio de duplas no Quad, Vink deu o troco em Alcott e Heath Davidson formando parceira com Sam Schroder faturaram o título com uma vitória por 2 sets a 0 (6-3 e 6-2).

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top