Cruzeiro

Estudo do Itaú BBA enxerga evolução na gestão financeira do Cruzeiro, mas destaca: ‘o caminho é muito longo’

Bandeira Cruzeiro // Foto: Bruno Haddad
Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro

Após dias conturbados no clube, o Cruzeiro começou a enxergar um céu mais azul desde ontem. Isso se aplica não só dentro de campo, mas fora das quatro linhas também. Em estudo divulgado nessa quinta-feira (17) pelo Itaú BBA, a equipe estrelada foi dada como um time que está no caminho certo para o sucesso.

Dentro da análise do banco foi percebido que o Cruzeiro apresentou uma ligeira melhora em comparação a 2020. Dentre os pontos positivos, foram destacados a reestruturação e alongamento de parte das dívidas, além do corte de custos. Já para os pontos negativos, destacou-se o desempenho esportivo e os investimentos incompatíveis com as receitas.

Veja também: Mozart explica importância de mudança tática do Cruzeiro em primeira vitória na Série B 2021 e ressalta mérito do adversário

Confira o texto publicado pelo Itaú sobre os feitos da direção celeste:

A avaliação sobre o Cruzeiro tem que partir da premissa de que é um clube em reconstrução, e como tal merece ser analisado como tal. Ou seja, precisamos entender se os esforços foram feitos na direção correta ou o clube continuou um percurso equivocado.
A boa notícia é que vemos uma evolução. Se não é revolucionária, ao menos os movimentos foram corretos: redução de custos, reestruturação de dívidas com alongamento de prazos, melhora na qualidade das informações divulgadas. Ainda que os investimentos tenham vindo acima do ideal, dentro do todo não chega a ser um problema.
Como tudo tem dois lados, a condição do clube era tão complicada que o grande esforço parece ter significado pouco. E foi. Mas é um processo que demanda tempo e paciência. Se alguém esperava soluções mágicas e resoluções de problemas ao estalar de dedos, infelizmente estava totalmente equivocado.
O processo ainda levará uns bons anos. Mas se for feito da maneiro como começou, o resultado virá. Aí mora o maior risco: a ansiedade.

Esta foi a 12ª edição do estudo publicado pelo banco, que aborda as finanças de todos os clubes brasileiros se baseando nos dados dos balanços da temporada 2020. Para baixar o conteúdo produzido pelo Itaú, clique aqui.

Para saber tudo sobre o Cruzeiro, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top