Corinthians

Gerente de futebol do Corinthians e presidente são suspensos pelo STJD

Duílio e Alessandro (FOTOS: Rodrigo Coca/Agência Corinthians)

Presidente do Corinthians e diretor de futebol são suspensos

FOTOS: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Alessandro Nunes, diretor de futebol do Corinthians foi suspenso por 60 dias após incidentes registrados na partida contra o Grêmio, no dia 17 de novembro. E o presidente Duílio Monteiro Alves também foi punido, porém, apenas por 15 dias. O julgamento foi realizado nessa quarta (29) pelo STJD.

                 

Foi na 3ª Comissão Disciplinar do Supremo Tribunal de Justiça Desportiva em que a pena foi aplicada. Alessandro Nunes além de cumprir a pena de quase dois meses, também terá que pagar uma multa de R$10 mil.

O gerente de futebol do Corinthians, foi condenado nos artigos 243-F e 258-B, com 30 dias de sanção em cada pela tentativa de invasão da sala de equipamentos do árbitro de vídeo na Arena do Grêmio. Ele foi absolvido em outros dois artigos. Alessandro já estava suspenso preventivamente por 30 dias desde 21 de novembro e só deve voltar a estádios em janeiro,

+ Para saber tudo sobre o Corinthians, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

Além disso, o zagueiro Bruno Méndez também foi punido com dois jogos de suspensão. O defensor já cumpriu um e fica fora apenas por mais um duelo, o deste sábado, contra o Internacional, na Neo Química Arena, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Clique para comentar

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

Para o Topo