Futebol Internacional

Internazionale de Milão vence o lanterna SPAL e sobe na tabela

Encerrando a 33ª rodada o Campeonato italiano, o último colocado SPAL recebeu a Internazionale de Milão no Estádio Paolo Mazza, na tarde desta quinta-feira (16/07), acumulando mais uma derrota. Desta vez, os spallini foram derrotados por 4 a 0. Mesmo sabendo que futebol não é uma ciência exata, a disparidade de pontos e posição na tabela da Série A Tim foi demonstrada em campo.

Os Nerazzurri pressionavam os Spallini desde o apito inicial, com jogadas pelo meio, arriscando chutes de longa distância, principalmente, com o meia Brozović, mas também alternando jogadas, utilizando o chileno Alexis Sánchez que hoje jogou como um “falso nove”, saindo mais da área e trocando passes na frente da área do time da casa. O goleiro da Inter, Handanovič foi praticamente um mero espectador durante quase todo o primeiro tempo. O esloveno viu de camarote o primeiro gol do seu time.

Aos 37 minutos do primeiro tempo, em jogada pelo lado esquerdo de ataque da Inter, o ala Biraghi toca para Sánchez no meio da entrada da grande área. O camisa sete gira e dá o passe livre para Candreva, que recebe sozinho na área, ajeita o corpo e desloca o goleiro Letica que tentou sair em cima do atacante para defender o chute, mas viu a bola balançar as redes dos donos da casa. 1 a 0.

Na primeira etapa, a Inter teve mais posse de bola (56% contra 44% do SPAL), o que mostra a superioridade do time de Antonio Conte, além dos arremates (total de seis, sendo quatro na direção do gol de Letica enquanto que a esquadra do técnico Luigi Di Biagio tinha o total de quatro chutes, com apenas dois no gol do arqueiro Nerazzurri. Com o placar magrinho, mas intenso por parte da Internazionale, o segundo tempo poderia tanto mostrar uma reviravolta do donos da casa como uma pressão ainda maior dos visitantes. E o que aconteceu foi que a equipe de Milão se mostrou um mal visitante, no bom sentido. E logo cedo.

SEGUNDO TEMPO COM CHUVA DE GOLS

Aos nove minutos da etapa final, Lautaro Martínez carrega a bola do lado direito do campo de ataque até o meio e tocou para Alexis Sánchez, mas o zagueiro Vicari interceptou o passe, jogando a bola pro lado esquerdo da área dos donos da casa, caindo nos pés do ala-esquerdo Biraghi que cortou para o pé direito e bateu com categoria no canto do arqueiro dos Biancazzurri que se esticou, mas não impediu que os Nerazzurri ampliassem o placar. 2 a 0.

Com 15 minutos do segundo tempo, o camisa sete começa a jogada pelo meio e toca para Eriksen que serviu novamente Biraghi. O camisa 34 cruzou forte na segunda trave para Sánchez que cabeceou já sem chances para o goleiro e ampliou o marcador para os visitantes, que não eram sequer incomodados e jogavam como se estivesse diante do gigante Giuseppe Meazza. 3 a 0.

E com 29 minutos da etapa final, Eriksen recebeu no lado direito da área lançou a bola na área. O camisa 15 Young dominou a bola e levantou a cabeça, dando um passe preciso para Gagliardini empurrar para o fundo das redes já debaixo da linha do gol, fechando a goleada da Internazionale fora de casa. 4 a 0.

Com o revés do lanterna da Série A Tim, o SPAL mantém os seus 19 pontos e enfrenta, na próxima rodada, o Brescia, fora de casa. Enquanto isso o agora terceiro colocado, acumulando 71 pontos, Inter de Milão vai à Roma, enfrentar os donos da casa.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top