Esportes olímpicos

Paralimpíadas: Brasil goleia a França e segue 100% no futebol de 5

Brasil
Foto: Takuma Matsushita/CPB.

Na madrugada desta terça-feira (31), o Brasil conseguiu sua terceira vitória em Tóquio no futebol de 5. Contra a França, os brasileiros dominaram toda a partida e venceram por 4 a 0. Nonato e Jardiel marcaram os gols. Além disso, o Brasil segue sem sofrer gols nas Paralimpíadas. A goleada rendeu ao Brasil a liderança do Grupo A.

+ Para saber tudo sobre as Paralimpíadas de Tóquio, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Na primeira metade da etapa inicial, a França tentou se lançar ao ataque, mas pecou quando esteve frente ao goleiro Matheus. Mas com o passar do tempo, os brasileiros conseguiram controlar a partida. Entretanto, os franceses, já eliminados, foram duros na marcação.

Até que nos minutos finais do primeiro tempo, Nonato aproveitou o rebote do goleiro Alessandro Bartolomucci para abrir o placar para o Brasil.

Leia mais sobre os Jogos Paralímpicos de Tóquio:

+Phelipe Rodrigues conquista a medalha de bronze nos 50m livre S10

+Gabriel Bandeira quebra recorde paralímpico na natação

+Gabriel Geraldo é prata nos 100m costas S2 da natação e conquista 1ª medalha do Brasil nas Paralimpíadas

+Gabriel Bandeira vence 100m borboleta S14 e conquista 1ª medalha de ouro do Brasil nas Paralimpíadas

Na segunda etapa, o Brasil continuou no comando da partida. Até que aos cinco minutos, Nonato, em cobrança de pênalti, aumentou a vantagem brasileira e se tornou o artilheiro isolado do torneio com cinco gols.

Com 2 a 0, o Brasil não parou de pressionar. E a pressão deu resultado. Aos 15 minutos, Jardiel aproveitou o rebote do goleiro e ampliou para os brasileiros. Insaciável, a equipe brasileira não sossegou e fez 4 a 0, novamente com Jardiel.

Com a goleada, o Brasil garantiu a liderança do Grupo A. Agora, os brasileiros aguardam os resultados dos jogos de Marrocos e Argentina para saber quem enfrentarão na semifinal, na quinta-feira (2), às 7h30.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top