Futebol Internacional

Pochettino deixará o PSG ainda em 2022, diz jornalista

Photo by FRANCK FIFE/AFP via Getty Images
Photo by FRANCK FIFE/AFP via Getty Images

O futuro de Mauricio Pochettino parece selado. apesar de somar pouco tempo no PSG, o comandante argentino parece ter prazo de validade no comando da estrelada equipe.

O jornalista francês Daniel Riolo, da RMC Sport, garantiu, no programa After RMC, que o PSG já tomou a decisão de demitir o técnico Mauricio Pochettino no meio do ano. E já escolheu o substituto: Zinedine Zidane. A sombra do treinador francês já ronda o Parque dos Príncipes há alguns meses.

No comando do PSG desde o ano passado, Pochettino é alvo de críticas frequentes, por mais que sua equipe ocupe a liderança isolada do Campeonato Francês e esteja nas oitavas de final da Liga dos Campeões da Uefa. Ele conta com o amparo do diretor esportivo do clube, Leonardo. Porém o comandante argentino parece ter prazo de validade no comando da estrelada equipe.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Zidane está sem clube desde que deixou o comando do Real Madrid, em maio de 2021. A chegada do técnico francês ao PSG é vista como trunfo para a diretoria tentar manter Kylian Mbappe no elenco, em meio ao assédio dos gigantes do futebol mundial. O técnico também é cotado pela imprensa do país para assumir a seleção da França após a saída de Didier Deschamps.

+Leia mais sobre futebol internacional clicando aqui

Zidane foi tricampeão consecutivo da Liga dos Campeões da Uefa com o Real Madrid, e a competição é o sonho do time francês. Seria o casamento ideal para o torcedor que já tem o treinador como ídolo no país e não deposita confiança em Pochettino. Caso se concretize a troca no PSG, Zizou teria a oportunidade de dirigir Lionel Messi e Neymar, seus adversários atuando pelo Barcelona na temporada 2016/17, temporada que marcou sua estreia no comando dos merengues.

Pochettino, por sua vez, terá o caminho aberto para um retorno para a Premier League. Sonho antigo do Manchester United, o ex-comandante do Tottenham chegou a conversar com a equipe após a saída de Solskjaer.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top