Flamengo

Rogério Ceni busca primeira classificação internacional como treinador, após três eliminações para argentinos

Rogério Ceni, treinador do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)
Foto: Alexandre Vidal / Flamengo

A caminhada do Flamengo na Copa Libertadores de 2021 começa nesta terça-feira (20), quando a equipe sobe ao gramado do Estádio José Amalfitani para encarar o Vélez Sarsfield, da Argentina. Além de representar um bom começo no maior objetivo da temporada, uma vitória como visitante representaria a segunda de Rogério Ceni sobre times argentinos, desde que se tornou treinador.

Até aqui, Rogério encarou três confrontos de mata-mata contra equipes da Argentina, com três eliminações. Foram seis duelos, com quatro empates, uma derrota e uma vitória. Em 2017, quando ainda tinha sua primeira experiência como técnico, no São Paulo, Ceni encarou o Defensa y Justicia logo na primeira fase. Com empate sem gols na Argentina e em 1 a 1 no Morumbi, a equipe argentina passou adiante, caindo para a Chapecoense na segunda fase.

O segundo encontro foi quando o treinador estava à beira do campo à frente do Fortaleza, time no qual Rogério de destacou antes de chegar ao Rubro-Negro. Na Copa Sul-Americana de 2020, o Tricolor encarou o tradicional Independiente, fazendo seu primeiro jogo internacional na história, ao perder por 1 a 0 fora de casa. Na volta, vitória por 2 a 1 do Fortaleza e classificação dos argentinos, pelo gol marcado como visitante.

O terceiro encontro com argentinos foi justamente em seu último duelo pela Libertadores, já como treinador do Flamengo. Rogério comandou o Rubro-Negro por apenas dois jogos, dois empates com o Racing em 1 a 1, antes de uma disputa de pênaltis vencida pelos argentinos dentro do Maracanã.

Nesta terça (20), após treinar no CT do Boca Juniors, a equipe do Flamengo deve ter seus principais destaques à disposição com a exceção do zagueiro Rodrigo Caio, que está suspenso. Entre Gustavo Henrique e Bruno Viana, a tendência é de que Rogério Ceni opte pelo primeiro para tentar iniciar a caminhada do Rubro-Negro na competição com o pé direito.

Assim, o Flamengo deve entrar com Diego Alves, Isla, Willian Arão, Gustavo Henrique e Filipe Luís; Diego, Gerson, Arrascaeta e Everton Ribeiro; Bruno Henrique e Gabigol. A partida, válida pela primeira rodada da fase de grupos, está agendada para as 21h30 (horário de Brasília). Os outros integrantes da chave são LDU, do Equador, e Unión La Calera, do Chile.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top