Futebol Internacional

Sem acerto com a Juventus, Dybala pode parar em rival italiano, diz site

FOTO: DIVULGAÇÃO / JUVENTUS

O argentino Paulo Dybala tem contrato com a Juventus até o mês de junho, mas as negociações não evoluíram da maneira como se esperava. Assim, de acordo com a imprensa italiana, o jogador deve oficialmente deixar o clube ao final da atual temporada. Com a possibilidade de Dybala estar livre no mercado da bola, muitos clubes já aparecem como prováveis destinos. Nesta sexta-feira (14), o site “Tuttosport” apontou os principais interessados e não descartou uma permanência na Itália.

Desde que deixou o futebol argentino, na temporada 2011/12, Dybala atua no futebol italiano, aonde inicialmente vestiu a camisa do Palermo por três temporadas. Desde 2015/16, o jogador já defende as cores da Juventus, mas o final da relação está próximo. Como já está adaptado à Itália, Dybala poderia ter facilitada uma transferência para a Inter de Milão.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Os atuais campeões nacionais seguem em alta na Itália, mas a chegada de um jogador da qualidade de Dybala poderia ser ainda melhor para a equipe do técnico Simone Inzaghi. Desde a saída de Romelu Lukaku, que retornou ao Chelsea, o argentino Lautaro Martínez tem sido a principal figura ofensiva do time. A contratação de Dzeko ajudou, mas não resolveu todos os problemas.

Dybala já conhece Lautaro e, além dos dois serem argentinos, o estilo de futebol de ambos acabam se completando. Além disso, Dybala sabe que um bom rendimento, principalmente ao lado de Lautaro, poderia o garantir uma vaga na Copa do Mundo do Catar, algo que já parece certo para o compatriota.

No entanto, se optar por deixar o futebol italiano, Dybala poderia ter outros dois destinos como mais viáveis: Barcelona e Tottenham. Os dois clubes estão em processo de reconstrução e o argentino poderia brigar pela vaga de titular. O Barça busca um jogador que possa criar jogadas ofensivas, enquanto o Tottenham ainda não encontrou um atleta que mantenha o nível ofensivo de Harry Kane e Son.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top