Copa do Brasil

Grêmio domina o Vitória, no Barradão, e encaminha classificação na Copa do Brasil

Lucas Uebel/Grêmio

Vitória e Grêmio se enfrentaram na noite desta terça-feira (27). O duelo foi válido pela partida de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Em um confronto com amplo domínio gaúcho, no estádio Barradão, o Tricolor saiu vitorioso por 2 a 0. Os tentos da partida foram marcados por Léo Pereira, Diego Barbosa e Ricardinho, após longa análise do VAR.

Com o resultado, o Grêmio praticamente decretou a classificação, e entra tranquilo no jogo de volta, na próxima terça-feira (3), para garantir a vaga nas quartas de final. Ao Tricolor gaúcho, basta um empate na Arena para se classificar, ou, até mesmo, uma derrota por dois gols de diferença. Por sua vez, o Vitória precisa golear o rival por pelo menos 4 gols de vantagem para avançar no tempo normal. Caso o time baiano supere o gaúcho por três gols de diferença, o duelo será decidido nas penalidades.

Antes da decisão de vaga nas quartas de final, todavia, ambas as equipes tem confrontos no Campeonato Brasileiro. O Grêmio, querendo sair da zona de rebaixamento, visita o Red Bull Bragantino, no sábado (31). Já o Vitória, que disputa o Brasileirão Série B, joga no mesmo dia, contra o Avaí, novamente no Barradão.

Para saber tudo da Copa do Brasil, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube!

Primeiro tempo

O Grêmio retornou ao esquema de 4-2-3-1, que a equipe estava adaptada, e começou a partida com marcação alta e impondo o ritmo do jogo. O Vitória encontrou dificuldades para sair com a bola e perdeu algumas posses para a lateral do campo. O tricolor dominou as ações ofensivas e criou diversas chances, mas foi insuficiente na precisão das finalizações, pois Léo Pereira e Alisson furaram em duas bolas lançadas na área. O Vitória focou-se em defender, e, nas bolas roubadas criou contra-ataques, que foram neutralizados pela defesa tricolor devido à lentidão da saída de bola do Leão. Aos 30 minutos, Lucas Silva cruzou para dentro da área, a bola bateu em Alisson, rebateu no lateral, Cedric e sobrou nos pés de Ricardinho, que chutou para o fundo das redes. O lance foi analisado pelo VAR durante oito minutos, mas sem a conclusão, a decisão de campo foi mantida e o gol dado ao Grêmio.

Segundo Tempo

O Vitória voltou para a segunda etapa com o time mais avançado e buscando empatar o jogo. A qualidade da partida caiu um pouco, pois os atletas corriam muito, tentavam transições rápidas e erravam as jogadas. Aos nove minutos, o lateral-direito, Cedric deu um passe errado e entregou a bola na defesa, Darlan tocou para Ricardinho na entrada da área, o centroavante rolou para Léo Pereira, que bateu e marcou o segundo do tricolor. A segunda etapa seguiu com muita disputa de bola, lançamentos errados, dribles equivocados e passes interceptados. Poucas chances foram criadas pelos dois lados. No final, aos 48 minutos, numa jogada rápida, Luiz Fernando recebeu em velocidade, driblou o goleiro arcanjo e cruzou para a área , na cabeça de Diogo Barbosa que, sozinho, deu números finais para o jogo, 3 a 0 para o Grêmio.

LONGA PARADA DO VAR

O primeiro gol do Grêmio, marcado por Ricardinho, ficou marcado por uma das mais longas análises do VAR no Brasil. O árbitro de vídeo demorou mais de 8 minutos para confirmar o tento Tricolor. A confusão se deu pois, no lance, Cédric divide com Alisson e a bola sobra para Ricardinho. No entanto, não ficou claro em quem a bola tocou. Caso fosse no jogador do time baiano, a posição do artilheiro seria legal. Mas, caso tivesse tocado no ala gremista, seria impedimento. Todavia, após um longo período tentando encontrar câmeras que confirmassem o lance, optou-se pela manutenção da decisão da arbitragem de campo, validando o gol.

CLIQUE AQUI PARA CONFERIR MAIS DESTE TEMPO REAL
Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top