América-MG

Atuações ENM: Cavichioli e Bauermann se destacam atrás, estrela de Lisca brilha e América vence o Cruzeiro por 2 a 1

Atuações ENM: Cavichioli e Bauermann se destacam atrás, estrela de Lisca brilha e América vence o Cruzeiro por 2 a 1
Foto: Mourão Panda/América

Neste domingo (02), o América-MG de Lisca visitou o Cruzeiro no Mineirão, em jogo valido pela primeira partida da semifinal do campeonato estadual de 2021. Bastante movimentado, o embate terminou em 2 a 1 para o Coelho, com gols marcados Rafael Sóbis, Alê e Ademir.

PRIMEIRO TEMPO

Fazendo jus ao mando de campo, o Cruzeiro foi pra cima do América-MG na etapa inicial e jogou melhor. Exceto certas investidas alviverdes com Rodolfo e Felipe Azevedo, mas que foram defendidas por Fábio, o time estrelado criou mais e jogou melhor. Não à toa abriu o placar com Rafael Sóbis, aos 38 minutos, após passe de Bruno José, que recebeu ligação direta de Raúl Cáceres.

SEGUNDO TEMPO

Mesmo com o placar favorável, o Cruzeiro voltou a campo melhor que o América-MG, que teve dificuldades para criar, e só o fez em lances isolados, como na finalização de Rodolfo que acertou a trave. A Raposa, por outro lado, aproveitou da grande atuação do trio de ataque e seguiu com muito volume de jogo, inclusive, fez um outro gol, mas que foi anulado pela arbitragem por impedimento.

Entretanto, brilhou a estrela de Lisca e suas modificações fizeram o América-MG “engolir” o Cruzeiro. Com as entradas de Ademir, Gustavo, Leandro Carvalho e Ribamar, o Coelho ganhou corpo e cresceu no jogo. Já no fim da partida, Alê, de cabeça, empatou. Alguns minutos depois, após bom passe de Leandro Carvalho, o ponta Ademir, que vinha em baixa, marcou para o alviverde.

DESTAQUES

Apesar do primeiro tempo ruim defensivamente que o time alviverde fez, Eduardo Bauermann e Matheus Cavichioli impediram de que o Coelho saísse para o intervalo com uma diferença negativa maior no placar. Com as precisas intervenções do zagueiro e as belas defesas do goleiro, o América-MG se segurou e conseguiu se manter vivo no jogo. Nota 7,0 para ambos.

Foto: Mourão Panda/América

APAGADO

Principal jogador americano nos últimos jogos, Bruno Nazário ficou devendo. Pouco inspirado e sem criatividade, o camisa 10 ficou preso na boa marcação cruzeirense e foi substituído na metade do segundo tempo. Nota 5,0.

LISCA “LÚCIDO”

Lisca deu um verdadeiro show na beirada do campo do jogo entre Cruzeiro e América-MG Pulsante, reclamão e ativo, o treinador manteve acesa a chama do time americano. Além de toda desenvoltura motivacional, manteve o criticado Alê em campo, autor do gol de empate, além de colocar Leandro Carvalho e Ademir, assistente e marcador do tento que deu à vitória ao Coelho. De doido ele só tem o nome.

ATUAÇÕES

Matheus Cavichioli: 7,0
Diego Ferreira: 5,0
Anderson: 5,0
Eduardo Bauermann: 7,0
João Paulo: 5,5
Zé Ricardo: 6,0
Juninho: 5,5
Alê: 6,5
Bruno Nazário: 5,0
Felipe Azevedo: 6,0
Rodolfo: 6,0

SUPLENTES

Gustavo: 5,5
Ribamar: 5,5
Leandro Carvalho: 6,5
Ademir: 6,5
Marlon: sem nota

Para saber tudo sobre América-MG , siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top