e-Sports

Valorant: B4 Angels e Havan Liberty vencem no segundo dia do Game Changers

Foto: Reprodução/Riot Games.

Cruzeiro Esports e Griffos E-Sports caem para a repescagem e enfrentam Stars Horizon e Jaguares Gaming

Hoje (11) foi dia de Valorant Game Changers, campeonato feminino oficial da Riot Games na modalidade, e o hype não poderia estar mais alto para a estreia da B4 Angels, que contratou todas as jogadoras da antiga INTZ Angels. A equipe teve uma atuação impecável contra o Cruzeiro Esports e garantiu uma vitória convincente de 2 a 0 na sua primeira partida de casa nova no segundo dia do Game Changers. A Havan Liberty também venceu a partida contra a Griffos E-Sports por 2 a 0, e garantiu vaga na chave superior junto com as Angels. Cruzeiro e Griffos caíram para a repescagem com a derrota e jogarão novamente amanhã entre si, assim como Stars Horizon e Jaguares Gaming.

No primeiro compromisso da tarde de Game Changers, B4 Angels e Cruzeiro Esports protagonizaram um dos duelos mais desequilibrados da competição, com vitória perfeita das Angels por 2 a 0. No primeiro mapa, Ascent, as Angels venceram com um placar expressivo de 13 a 3, consolidando todo seu favoritismo em cima do Cruzeiro. Em Icebox, o duelo foi ainda mais desequilibrado na primeira metade, com a B4 chegando a abrir até 10 pontos de vantagem. Foi só após a troca de lados que o Cruzeiro conseguiu marcar sua primeira sequência, mas não conseguiu impedir a B4 de garantir sua vaga na chave superior do Game Changers. A MVP da série foi “Shyz”, da B4 Angels.

O outro confronto do segundo dia de Game Changers foi entre Havan Liberty e Griffos E-Sports. Assim como a primeira série do dia, as duas equipes também fizeram jogos que evidenciaram a diferença de nível entre as equipes. No primeiro mapa, Haven, a HL chegou a terminar a primeira metade com o placar marcando 11 a 1, dez pontos de vantagem antes da troca de lados. Apesar do brilho momentâneo da GRF na segunda metade, a equipe não conseguiu impedir que a HL chegasse ao 13º ponto e terminou o mapa com a derrota pelo placar de 13 a 3. No segundo mapa, Icebox, as equipes fizeram um jogo mais disputado, com a GRF abrindo a vantagem inicial e sofrendo a virada. Apesar do jogo mais parelho, a Havan Liberty foi superior e garantiu a vitória perfeita de 2 a 0 e a vaga na chave superior do Game Changers . A MVP da série foi “Mittens”, da Havan Liberty.

Confira um pouco mais do que rolou nas partidas:

B4 Angels (2) x (0) Cruzeiro Esports

Line-up B4: Celinett, Isaa, Tayhuhu, Shidogui e Shyz.

Line-up CRZ: Bubu, Jules, Bizerra, Nathmoonz e Lezinha.

Ascent (B4 13 x 3 CRZ): Já na primeira metade do mapa, ficou evidente a superioridade da equipe da B4, com Isaa protagonizando um Ace, Tayhuhu desequilibrando a partida com seu Sova e Celinett fazendo excelentes counters com os recursos da Killjoy. Ainda na defesa, as meninas da B4 mostraram extrema efetividade em ler as jogadas do ataque adversário, aprendendo as possibilidades e avançando jogadoras para começar os rounds na vantagem numérica. Na troca de lados, o placar marcava impressionantes 10 pontos para a B4 e só 2 para o Cruzeiro.

No Round Pistol após a troca, as jogadoras do Cruzeiro venceram e trouxeram a possibilidade de uma partida mais equilibrada na segunda metade, mas logo no forçado voltaram a repetir os mesmos erros da primeira metade. Poucos rounds depois, a B4 Angels confirmou o Map Point com o placar de 13 a 3. A jogadora com mais abates foi Isaa, com 22 eliminações e 2 First Bloods.

Icebox (B4 13 X 5 CRZ): O Round Pistol e o forçado de Icebox foram levados pelas Angels de forma muito efetiva. Nesse início do segundo mapa, já estava claro que as diferenças entre as duas equipes iam além de posicionamento e estratégia, com a equipe do Cruzeiro levando desvantagem nas também nas trocações. E assim, round após round as Angels converteram quase todos os pontos da primeira metade, com Isaa, Tayhuhu e Celinett desequilibrando a partida em vários momentos. A B4 foi muito efetiva em counterar todas os posicionamentos do Cruzeiro, que, na defesa, não conseguiu parar as entradas adversárias nos Spikesites. Foi só depois de 10 pontos adversários que o Cruzeiro conseguiu pontuar pela primeira vez no jogo. Na troca de lados, o placar marcava impressionantes 11 pontos da B4 contra 1 do CRZ.

Na volta para a segunda metade, as meninas do Cruzeiro mudaram de postura. Apesar de terem perdido o Round Pistol, a equipe venceu o round econômico e o seguinte, desencadeando uma pausa tática da B4 que só precisava de um ponto para confirmar o Match Point. Apesar da pausa tática da B4, o CRZ ainda marcou duas vezes antes das Angels levarem seu próximo ponto e garantirem a vaga na chave superior do Game Changers com o placar de 13 a 5 em Icebox. A jogadora com mais abates do mapa foi Celinett com 20 eliminações e 1 First Blood.

Havan Liberty (2) x (0) Grifos E-Sports

Line-up HL: Isa1, Mittens, Sayuri, Blu e Let.

Line-up GRF: Mands, Peixinho, Pepita, Covinhas e Lunna.

Haven (HL 13 x 3 GRF): A Havan Liberty saiu na frente com a vitória dos dois primeiros rounds do mapa, apesar das boas jogadas na defesa da Griffos. No primeiro round armado, a GRF marcou seu primeiro ponto, mas não sustentou a sequência, voltando a perder logo em seguida. Com a HL engatando dois rounds em sequência, a GRF já pediu uma pausa tática para tentar colocar a cabeça no lugar, mas mesmo assim, a Havan continuou pontuando. Com a maioria das entradas acontecendo no ponto C, a HL não tomou conhecimento das meninas da Griffos com as excelentes jogadas da Isa1, que na maioria dos rounds garantia o first blood e a vantagem na rodada. Na primeira metade, a Havan Liberty foi indiscutivelmente superior e alcançou a troca de lados com o placar marcando 11 a 1.

No início da segunda metade, a Griffos E-sports levou os dois primeiros rounds, e ensaiou um retorno à partida, mas o placar já estava muito largo e ficou praticamente impossível reverter a desvantagem criada na primeira metade. No primeiro round armado após a troca, a HL retomou a sua sequência e em dois rounds, confirmou o Map Point com o placar de 13 a 3 em cima da GRF. A melhor jogadora do mapa foi “Isa1” com 18 abates e 04 First Bloods.

Icebox (HL 13 x 7 GRF): O segundo mapa da série começou diferente de Haven, com a Griffos E-Sports levando os três primeiros rounds com extrema eficiência na defesa. Apesar do bom início da GRF, a HL colocou a cabeça no lugar e garantiu uma sequência que colocou a equipe na frente. À essa altura do mapa, a HL parecia já ter entendido a forma como as meninas da GRF jogam, conseguindo antecipar posicionamentos nos retakes e garantir abates cedo nos rounds, colocando quase sempre a equipe na vantagem numérica. Foi só depois do quarto ponto seguido da HL, que a GRF marcou seu quarto e empatou novamente a partida. Depois do empate, a Griffos ainda pontuou mais uma vez, mas viu a HL abrir dois rounds de vantagem chegando à troca de lados com o placar de 7 a 5.

No início da segunda metade, a Havan Liberty de “Isa1” e “Mittens” levou o Round Pistol e o econômico, ampliando ainda mais a vantagem aberta na primeira metade. Foi só no primeiro round armado da segunda metade que a GRF conseguiu retomar a vitória com a “Peixinho” marotando a Jett da Havan e quebrando a sequência adversária. Apesar da boa fase da Griffos, a Havan estava muito afiada na mira com a “Mittens” e interrompeu muito bem a sequência adversária para voltar a pontuar. No décimo ponto da Liberty, a GRF pediu sua primeira pausa tática do mapa. A pausa não surtiu muito efeito, pois logo após a volta, a Havan Liberty eliminou todas as jogadoras adversárias antes mesmo da Spike ir ao chão. O round seguinte foi marcado por uma TF onde Mittens mais uma vez brilhou e levou a equipe ao 12º ponto. O Match Point veio logo em seguida com a Jett da HL limpando o mapa, deixando só a Peixinho viva para Mittens finalizar e garantir a vaga na chave superior do Game Changers com o placar de 13 a 7.

As equipes vencedoras jogam no domingo (13) contra Gamelanders Purple e Vivo Keyd Athenas na chave superior, enquanto as equipes perdedoras enfrentarão amanhã (12) a Stars Horizon e Jaguares Gaming na repescagem. As transmissões do Game Changers acontecem pelos canais oficiais do Valorant na Twitch, no YouTube e na Nimo Tv, a partir das 17h.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top