Futebol Internacional

De olho em vaga na Conference League, Fiorentina vence a Roma e cola na zona de classificação

Fiorentina Roma
Photo by Gabriele Maltinti/Getty Images

A Fiorentina venceu o Roma por 2 a 0 na tarde desta segunda-feira (9), no estádio Artemio Franchi, em confronto válido pela 36a rodada do Campeonato Italiano. Os gols foram anotados por Nicolas Gonzalez e Giacomo Bonaventura.

Com o triunfo a Viola mantém vivas as esperanças de uma classificação para liga da conferência ou até mesma a Liga Europa. O clube chegou aos 59 pontos e se encontra em 8o lugar, empatado com o Roma e com o Atalanta, os primeiros clubes na zona de classificação. Com duas rodadas para se encerrar a competição, os três clubes disputam duas vagas.

Fiorentina impõe sua força em casa e é mais objetivo

O duelo começou com uma investida do time da casa no primeiro minuto de partida.
Nicolás González avançou pela esquerda e caiu na área. Arbitragem deu vantagem, Biraghi cruzou e Sérgio Oliveira dominou para Zalewski afastar o perigo. O VAR foi acionado e constatou pênalti, os árbitros de vídeo checaram um empurrão de Karsdorp em González. O atacante argentino foi para bola, descolou o goleiro Rui Patrício e abriu o marcador em Florença.

Não demorou muito para o jogo ter novas emoções, pois aos dez minutos, Bonaventura recebeu passe de Arthur Cabral na direita, avançou com muita liberdade, entrou na área e finalizou com espaço no canto direito de Rui Patrício. Viola ampliou vantagem.

Os Lupettis responderam nove minutos depois, Pellegrini cobrou falta da entrada da área e Terracciano saltou para espalmar em seu canto esquerdo.

O jogo se manteve disputado, aos 23, Biraghi recebeu passe de Igor no lado esquerdo e cruzou bem rasteiro. Bonaventura dominou no meio da área e finalizou, Rui Patrício falhou em lance e a bola entrou. Arbitragem marcou impedimento de Biraghi.

Após o gol anulado o ritmo do jogo deu uma diminuída, o Roma com mais posse bola, porém com dificuldades reais de criação. O time de José Mourinho conseguiu apenas uma finalização em gol em todo o primeiro tempo.

Já o Fiorentina foi ao vestiário com a sensação de dever cumprido.

Roma ensaia uma reação, mas Fiorentina segura resultado

O segundo tempo começou com os Lupettis pressionando e correndo atrás do prejuízo. Aos oito minutos, em trama orquestrada por Zalewski, Pellegrini recebe a bola e cruza na medida para Abraham que cabeceia com perigo, mas a bola vai para fora.

No minuto seguinte foi a vez do time da casa responder. Nico González avançou pela esquerda e cruzou a bola. Ninguém desviou e Venuti ficou com a bola na direita. Lateral rolou e Amrabat arriscou da entrada da área. Rui Patrício faz excelente defesa e evita o terceiro da Fiorentina com a ponta dos dedos.

Com muitas substituições, o duelo deu uma esfriada com poucas oportunidades para ambas equipes, até que aos 38, Maleh recebeu passe de Jonathan Ikoné no lado direito da área e finalizou na saída de Rui Patrício. O arqueiro do Roma fecha o ângulo e faz defesa salvadora impedindo o terceiro da Viola.

O jogo se encerrou sem novas emoções e deixando a disputa totalmente aberta para as duas partidas da Série A.

Rui Patrício; Mancini, Smalling e Roger Ibañez; Karsdorp (Spinazzola), Sérgio Oliveira, Cristante, Veretout e Zalewski (Stephan El Shaarawy), Lorenzo Pellegrini(Carles Pérez) e Tammy Abraham (Shomurodov)
Técnico: José Mourinho.

Terracciano; Venuti, Milenković, Igor e Biraghi (Terzić) Amrabat, Bonaventura (Youssef Maleh) e Alfred Duncan; Nico González (José María Callejón), Arthur Cabral (Piątek) e Jonathan Ikoné (Saponara)
Técnico: Vincenzo Italiano.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top